Neste mês de dezembro, em Brasília, foi realizado o Sul Americano de Jiu-Jitsu da Federação Brasileira de Jiu-Jitsu, a FBJJ. O evento contou com disputas em alto nível, mas também abriu espaço para o lado social. Ao todo foram 250 inscrições gratuitas para projetos sociais e mais 250 quimonos distribuídos no dia do evento.

Parlamentares da Frente Parlamentar Mista do Esporte no Congresso Nacional, Machado Martins (Deputado Distrital) e Julio Cesar (Deputado Federal), ambos do partido Republicanos-DF, estiveram presentes no Ginásio do Cruzeiro, no último dia 13, para acompanhar as disputas no evento. Além disso, participaram da cerimônia de entrega dos quimonos para projetos ao lado de Rodrigo Natalino, vice-presidente da federação.

“Sabemos que o número de amantes do Jiu-Jitsu só vem crescendo, seja em Brasília ou no Brasil todo. Nós buscamos, eu como presidente da Frente Parlamentar do Esporte, recursos para que competições como essa. Eventos como esses destacam o lutador e também a parte social, com as crianças carentes que receberam quimonos. Incentiva o Jiu-Jitsu e também as crianças e os adolescentes a terem respeito, disciplina, comportamento… É fundamental”, disse Martins Machado, em contato à Revista TATAME.

Julio Cesar também destacou o lado de incentivar e promover a inclusão de jovens carentes nas competições: “Desde 2012, quando eu era secretário de esporte (Distrito Federal), sempre foi um desejo meu realizar eventos esportivos, entre eles o Jiu-Jitsu, e também beneficiar pessoas carentes. Tem muita gente que quer lutar, mas não tem material, não tem quimono e não consegue pagar uma inscrição. Hoje, juntamente com a FBJJ, é realizado um campeonato de primeira e que ainda ajuda os projetos sociais”.

Confira abaixo as entrevistas na íntegra: