A pandemia global do novo coronavírus afetou durante todo o ano de 2020 o desenvolvimento da vida cotidiana na maior parte do mundo, incluindo os eventos esportivos em geral, como o Boxe, por exemplo. Entretanto, durante o segundo semestre, a partir das medidas de prevenção aplicadas por diferentes governos, várias atividades foram sendo retomadas.

Entre as apostas no Brasil, o Boxe é um dos esportes favoritos, muito por seus finais inesperados. A seguir, detalhamos brevemente algumas das principais notícias relacionadas à nobre arte na última semana.

Retorno de Mike Tyson contra Roy Jones Jr

Bastante aguardado pelos fãs de luta, o combate entre Mike Tyson e Roy Jones Jr – duas lendas do Boxe -, realizado na madrugada deste sábado (28), em Los Angeles (EUA), correspondeu as expectativas de quem acompanhou a disputa, pelo menos por parte do “Iron Mike”. Mostrando um vigor físico incrível, o ex-campeão dos pesados, de volta aos ringues após 15 anos, foi pra cima do “Capitão Gancho” em duelo que teve caráter “mais ou menos” de exibição apesar das regras e, por isso, terminou empatado.

Vitória de Daniel Jacobs sobre Gabriel Rosado

O ex-campeão mundial Daniel Jacobs derrotou, na última sexta-feira (27), o desafiante Gabriel Rosado na luta principal do evento Matchroom Boxing, na Flórida (EUA). Apesar dos dois lutadores terem tentado intimidar um ao outro antes do combate, durante o desenvolvimento da batalha ambos estavam contidos. Rosado tentou um jogo mais próximo, mas não foi páreo para Jacobs, vencedor após grande atuação.

Golovkin defende título mundial diante de Szeremeta

O confronto pelo título mundial peso-médio da IBF (Federação Internacional de Boxe) está previsto para o dia 18 de dezembro, na Flórida (EUA), e recheado de expectativa. De acordo com a opinião da maioria dos fãs e especialistas, é necessário todo cuidado por parte do campeão Gennady Golovkin contra Kamil Szeremeta, que permanece invicto depois de 21 tlutas.

Menayothin perde invencibilidade após 54 lutas

O tailandês Wanheng Menayothin perdeu sua invencibilidade após 54 lutas em disputa pelo cinturão peso-palha do WBC (Conselho Mundial de Boxe). O veterano encarou Panya Pradabsri, mas acabou superado por decisão unânime. A curiosidade ficar pelo fato de que Menayothin, até então campeão, já havia decidido pela sua aposentadoria do esporte, mas foi convencido a fazer ao menos mais uma defesa de título.

Julio César Chávez Jr reencontra as vitórias

O ex-campeão mundial de peso-médio Julio César Chávez Jr obteve sua primeira vitória como profissional em 15 meses após derrotar ao equatoriano Jeyson Minda. Chávez Jr comandou a luta contra Minda no segundo, terceiro e quarto rounds. Julio começou recebendo alguns golpes por parte de equatoriano, que substituiu o argentino Nicolás Masseroni de última hora, mas logo retomou o controle do combate e venceu.