Após colecionar cinco vitórias seguidas em eventos nacionais e internacionais, Vanessa Melo chegou ao Ultimate em 2019 para integrar o peso galo. Até o momento, são três lutas e todas elas terminaram com a “Miss Simpatia” sendo derrotada no octógono por Irene Aldana, Tracy Cortez e a compatriota Karol Rosa por último. No próximo sábado (16), no primeiro card do UFC em 2021, que será na “ilha da luta”, em Abu Dhabi (EAU), a brasileira vai encarar Sarah Moras, em um duelo chave para sua permanência dentro da franquia.

À TATAME, Vanessa comentou sobre a “pressão” para a luta: “Acho que a pressão não é só quando você vem de derrota, mas existe o tempo todo, se parar para pensar. Eu procuro não pensar no que já foi, procuro pensar no que está por vir. Me preparei muito bem para essa luta, minha perda de peso está sendo muito boa. Não tenho o que falar. Vou buscar a vitória e vou dar tudo de mim lá dentro do octógono”, destacou.

Adversária de Vanessa, Sarah também não vive uma boa fase no UFC. Em sete lutas, são cinco derrotas e apenas duas vitórias. A “Miss Simpatia” fez uma breve análise do jogo da oponente: “Ela e eu temos um jogo bem parecido, porque buscamos a luta e vamos para frente, acho que isso é muito parecido”, comentou.

Sobre a preparação para este combate contra Sarah, Vanessa afirmou que o camp foi “maravilhoso”, mas destacou a dificuldade de lidar com toda a incerteza causada pelas questões da pandemia do novo coronavírus. A brasileira garantiu que ninguém próximo se contaminou, mas ficou preocupada em pegar o vírus e, sem querer, transmitir para os pais que moram com ela e são idosos, ou para a filha, que é pequena.

“Eu fiquei com medo do resultado dos testes. Fiquei com o coração na mão, podemos ser assintomáticos e não sabemos. O UFC mandou o resultado do primeiro teste, mas eu já tinha feito um antes, mas ficamos com receio. É algo que preocupa o mundo inteiro, não só eu. O medo tem que ser pela saúde do próximo, depois vem a luta. A luta vai e passa, mas se alguém morrer por conta disso? Não tem como voltar. Se a luta cair, depois casa outra. É o nosso trabalho, queremos lutar. Nos dedicamos muito para isso”, concluiu Vanessa.

CARD COMPLETO:

UFC Fight Island 7
Ilha da Luta, em Abu Dhabi (EAU)
Sábado, 16 de janeiro de 2021

Card principal (17h, horário de Brasília)
Peso-pena: Max Holloway x Calvin Kattar
Peso-meio-médio: Carlos Condit x Matt Brown
Peso-meio-médio: Santiago Ponzinibbio x Li Jingliang
Peso-médio: Joaquin Buckley x Alessio Di Chirico
Peso-médio: Punahele Soriano x Dusko Todorovic

Card preliminar (14h, horário de Brasília)
Peso-médio: Phil Hawes x Nassourdine Imavov
Peso-galo: Wu Yanan x Joselyne Edwards
Peso-médio: Omari Akhmedov x Tom Breese
Peso-pesado: Carlos Boi x Justin Tafa
Peso-meio-médio: David Zawada x Ramazan Emeev
Peso-galo: Sarah Moras x Vanessa Melo
Peso-pena: Jacob Kilburn x Austin Lingo