Setembro de 2020 marcou o nascimento do BJJBET, com um card recheado de estrelas do Jiu-Jitsu. A organização do evento adotou uma estrutura bastante elogiada pelos lutadores e treinadores, para garantir o máximo de conforto para todos os envolvidos. Enquanto os detalhes da segunda edição não são revelados, o evento vai agitando as redes sociais com a produção de um documentário sobre o card inaugural.

O primeiro episódio da série, que está disponível no canal do BJJBET no YouTube, é sobre a luta entre Gabi Pessanha e Yara Soares – o único combate feminino do evento. A vitória ficou com a lutadora da Infight/MD, em uma das grandes rivalidades nas faixas coloridas, que promete se estender também para a faixa-preta.

William Carmona, um dos idealizadores do show, comentou que, ao ver o material produzido antes, durante e depois do card, a organização decidiu montar uma série de conteúdos para as plataformas digitais. Outros episódios, mostrando os bastidores de duelos marcantes do primeiro BJJBET, também irão ao ar em breve.

“A luta entre as mulheres foi uma das melhores do evento e a história individual de cada uma das atletas é muito emocionante, então não tivemos dúvidas delas serem as donas do episódio inaugural. É impossível não se emocionar. Desde o surgimento do BJJBET, a única certeza que nós tínhamos era: supervalorizar os atletas. Vendo o depoimento deles, entrevistas e ouvindo todos vocês da mídia especializada, temos a certeza que o objetivo foi alcançado pelo nosso time”, comentou William Carmona em declaração à TATAME.

Confira abaixo: