Atual campeã peso-pena do Bellator, Cris Cyborg, aos 35 anos, ainda não tem compromisso marcado para 2021, mas se depender da brasileira, ela já tem um alvo definido: Cat Zingano. A experiente lutadora, aos 38 anos, assinou com a organização em 2020 e estreou com vitória sobre Gabrielle Holloway na divisão até 66kg.

Apesar de terem sido contemporâneas no UFC, Cris acredita que este é o momento delas se enfrentarem: “Você conhece a Zingano. Ela começou a lutar nos penas e disputou algumas lutas. Ela venceu a Amanda Nunes, acho que foi a última a conseguir isso. Ela venceu Miesha Tate também. Zingano é um grande nome. Com certeza, se Scott Coker falar ‘Cris, a próxima luta para você será Cat Zingano’, eu só tenho que trabalhar, treinar e estar pronta e animada para esta luta”, disse Cyborg em entrevista ao podcast “The Catch Up”.

De olho em Kayla Harrison

No mesmo podcast, Cyborg também comentou sobre o desejo de enfrentar a judoca Kayla Harrison, que ganhou duas medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos e foi campeã do torneio dos leves da PFL em 2019. A americana compete até 70kg, mas desceu para os penas quando encarou Courtney King pelo Invicta 42, em novembro passado. A brasileira disse que uma das metas é subir de divisão antes de encerrar a carreira.

“Acredito que este ano ela vai lutar pela PFL, ela vai estar no torneio até 70kg. E se ela se tornar a campeã desse torneio, com certeza eu gostaria de fazer um combate com ela, que todos os fãs iriam gostar de ver. Eu gostaria de ir para o peso leve antes de me aposentar do MMA. Quero ajudar a construir a divisão e, se ela é jovem, vamos ver se ela gostaria de fazer uma luta, uma luta de verdade para ela”, concluiu a campeã.