Pablo Mantovani, de 26 anos, se tornou um especialista em guarda durante sua formação até a faixa-preta. Com quase 17 anos de carreira no Jiu-Jitsu, o casca-grossa tem títulos expressivos como, por exemplo, o Mundial da IBJJF e uma seletiva do ADCC, além das inúmeras medalhas de ouro nos Opens da federação.

O craque da Atos, que atualmente reside e ensina Jiu-Jitsu em Abu Dhabi (EAU), revelou aos leitores três conceitos para a construção de uma guarda perigosa para 2021. Antes das dicas, Pablo ressaltou a pratica.

“É importante você estudar, mas não deixe de praticar. Ter uma boa guarda é consequência de um treino inteligente. Opte sempre por treinar com o melhor passador da sua academia várias vezes, não fique triste por ter a guarda passada num treino e lembre-se: é melhor errar no treino do que em uma competição”.

Confira abaixo as dicas:

1 – Faça pegadas

Por eu ser um atleta versátil, ter facilidade de lutar por cima e por baixo, sei os principais caminhos que o passador usa na hora de transpor as pernas do guandeiro para chegar na lateral. Ao puxar para guarda, em nenhuma hipótese, deixe de fazer pegada, seja ela na manga ou na gola. Você precisa ter controle para manter a distância ou trazer seu adversário mais perto. Ter uma boa pegada vai te salvar em 50% das situações. O paraíso para o passador de guarda é ver que um guandeiro está fazendo guarda sem pegada.

2 – Proteja “a calça do quimono”

Quando o oponente puxa junto comigo, eu analiso, num primeiro instante, se ele vai subir ou ficar junto na guarda comigo. Feito isso, eu fico com a visão nos braços do adversário para que ele não faça pegada nas minhas calças, o que impede que eu movimente minhas pernas. Para sua guarda sempre oferecer perigo, evite que o oponente faça pegada nas suas calças. O segredo é controlar os braços do adversário sempre.

3 – Tenha atitude

Quando eu busco fazer guarda, eu já tenho a primeira atitude em mente. Quando puxo para a guarda, já quero fazer a guarda fechada para trabalhar meus ataques, mas quando meu oponente bloqueia, eu vou envolver ele na lapela ou colocar na guarda-aranha, para desenvolver minha estratégia durante a luta. Quando o guardeiro aceita o outro jogo, que é quando você demora para tomar uma atitude, você diz para o seu oponente que é ele quem está no comando. O jogo de guarda comanda a luta, lembre-se disso.