O UFC 258, realizado no último sábado (13), em Las Vegas (EUA), marcou a primeira derrota de Rodolfo Vieira em sua carreira no MMA. O brasileiro entrou em ação contra Anthony Hernandez no card preliminar e, em um desfecho que surpreendeu a todos, acabou sendo finalizado pelo americano no segundo round da luta, algo, até então, inimaginável, tendo em vista que Rodolfo é pentacampeão mundial de Jiu-Jitsu, campeão do ADCC – maior torneio de luta agarrada do mundo – e considerado um dos melhores atletas de sua geração.

No último domingo (14), horas depois do duro revés sofrido, o lutador se pronunciou através de um comunicado em suas redes sociais, onde colocou uma foto do momento em que estava sendo atendido no hospital após o combate e lamentou o fato de não ter conseguido a vitória para dedicar ao seu filho, que nasceu em 2020, e também à sua avó, que faleceu recentemente e acompanhava todas as suas lutas.

Confira abaixo a declaração de Rodolfo Vieira:

“Galera, ontem foi o pior dia da minha vida. Foi a pior performance da minha vida, foi a primeira vez do meu filho me assistindo, apesar de ser um bebê e não entender nada, o que por um lado foi até bom de não ver a surra que o pai tomou e ainda ser finalizado (risos). Também foi a primeira vez que luto depois da minha avó falecer, ela que era uma das minhas maiores fãs e assistia todas as minhas lutas. Eu queria demais sair vitorioso e dedicar a eles isso! Infelizmente, nem tudo sai como a gente quer, estou aqui ainda sem entender o motivo que cansei tanto logo no primeiro round. Tive alguns erros que já sei quais foram, com certeza vão ser consertados, mas realmente cansar da forma que cansei, eu ainda não consegui entender! Eu fiz um ótimo camp, tive o melhor corte de peso até hoje, estava tudo muito bem… Mas tenho que parabenizar o Anthony (Hernandez) pela grande vitória e espero realmente que ele tenha ganhado os 50 mil dólares de performance da noite. Eu sei que preciso melhorar muito, em tudo, nunca escondi isso e todo dia treino em busca dessa evolução. Enfim, passou. Eu só quero agradecer a todos vocês pelas mensagens de incentivo e apoio que não param de me mandar, realmente vocês não existem! Eu sou muito grato a Deus, e me sinto super abençoado por ter a família que eu tenho, os amigos e, claro, os fãs que mesmo sem me conhecerem pessoalmente, conseguem fazer eu me sentir tão forte, tão importante e tão querido por vocês. Obrigado do fundo do meu coração, amo vocês”, escreveu o faixa-preta, agora com sete vitórias e um revés no MMA.