Brasileiros Francisco Figueiredo, Dhiego Lima e Taila Santos têm lutas marcadas pelo UFC; Edson Barboza renova contrato e encara Burgos

Publicidade

Após alguns momentos de indefinição em relação ao seu futuro no UFC, Edson Barboza já definiu os próximos passos da carreira no MMA. O brasileiro renovou contrato com a franquia e, inclusive, tem sua próxima luta definida, segundo informações do site Combate.com. Atualmente lutando pela divisão peso pena, o atleta de Nova Friburgo (RJ) vai enfrentar Shane Burgos no card do UFC 262, marcado para acontecer em 15 de maio.

Barboza, de 35 anos, é o atual 14º colocado no ranking da categoria até 66kg e, em sua última luta, realizada em outubro de 2020, superou Makwan Amirkhani na decisão unânime dos jurados, recuperando-se das três derrotas seguidas que havia sofrido anteriormente. Seis anos mais novo em relação ao brasileiro, Shane Burgos ocupa a 12ª posição no ranking e, ao contrário de Edson, vinha de três vitórias consecutivas, mas acabou sendo derrotado em sua luta mais recente, que ocorreu em junho passado, contra Josh Emmett.

Francisco Figueiredo tem nova luta confirmada no UFC

Irmão mais novo de Deiveson Figueiredo, campeão peso-mosca do UFC, Francisco Figueiredo – também integrante da divisão até 57kg – teve nova luta marcada pela organização. O brasileiro, de 31 anos, vai enfrentar Jimmy Flick em card agendado para o dia 8 de maio, ainda sem local definido pela companhia. A informação foi confirmada inicialmente pelo podcast “The Corner and The Casual”, na última terça-feira (2).

Com um cartel de 12 vitórias – sendo sete por finalização – e três derrotas no MMA profissional, Francisco fez sua estreia pelo Ultimate em janeiro, quando derrotou Jerome Rivera na decisão unânime dos jurados. Oponente do “Sniper”, Jimmy Flick também tem como sua principal arma o Jiu-Jitsu. O americano, de 30 anos, venceu 16 lutas ao longo de sua trajetória no esporte, com 14 finalizações. Vindo do reality show Contender Series, “The Brick” estreou no UFC em dezembro, batendo Cody Durden com um triângulo voador.

Embalada, Taila Santos encara americana em maio

Além de Francisco Figueiredo, outra brasileira estará em ação no evento do dia 8 de maio. Segundo o site Combate.com, na data em questão, a peso-mosca Taila Santos, atual 14ª colocada no ranking da categoria, vai entrar no octógono do Ultimate para medir forças contra a americana Roxanne Modafferi, nona na lista.

Aos 27 anos, Taila soma 17 resultados positivos e apenas uma derrota em sua carreira nas artes marciais mistas. A catarinense, que faz parte do plantel do Ultimate desde 2019, vem de dois triunfos em sequência, o último deles em dezembro, quando venceu Gillian Robertson na decisão unânime. Cerca de 11 anos mais velha em relação à brasileira, Roxanne vem em momento instável dentro da companhia e entrou em ação pela última vez em janeiro, quando foi derrotada pela também brasileira Viviane Araújo por unanimidade.

Dhiego Lima tem duelo marcado contra Matt Brown

Quem também teve seu próximo desafio confirmado no UFC foi Dhiego Lima. De acordo com o site MMA Fighting, o brasileiro irá encarar o experiente Matt Brown no dia 19 de junho. Vale ressaltar que a organização ainda não definiu um local para a realização do confronto, que será válido pela categoria dos meio-médios.

Com 32 anos e um cartel de 15 triunfos e oito reveses, Dhiego vinha de três resultados positivos no Ultimate, todavia, em sua última apresentação, que aconteceu em fevereiro, o goiano acabou sendo superado por Belal Muhammad na decisão unânime dos jurados. Por outro lado, no auge de seus 40 anos, Matt Brown perdeu seus dois últimos combates, para Miguel Baeza e Carlos Condit, e vai em busca de reabilitação.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade

Jiu-Jitsu