O duelo entre Ciryl Gané e Jairzinho Rozenstruik, no último sábado (27), pela luta principal do UFC Vegas 20, definitivamente não agradou. Após Dana White, presidente da organização, minimizar o desempenho de Gané, que saiu vencedor por decisão unânime dos jurados após cinco rounds de combate e manteve sua invencibilidade no MMA, quem também não gostou do que viu foi Jon Jones, ex-campeão meio-pesado do Ultimate – e que está em transição para fazer sua primeira luta na companhia pela categoria até 120kg.

Conhecido por ser bem ativo nas redes sociais, “Bones” utilizou sua conta oficial no Twitter para esnobar da luta entre Gané e Jairzinho: “É melhor esses meninos se acostumarem a acelerar o ritmo, tudo isso parado não vai rolar quando o papai chegar em casa”, escreveu o americano, que deve estrear em meados de 2020.

Atualmente com 33 anos, Jon Jones não luta desde fevereiro do ano passado, quando derrotou Dominick Reyes por decisão unânime no UFC 247. Desde então, o lutador abriu mão do seu título meio-pesado e revelou a intenção de subir para o peso pesado. Nos últimos meses, por meio de suas redes sociais, “Bones” vem compartilhando a transição para os 120kg. Vale ressaltar que, apesar de ainda não ter data e adversário definidos, Jones – de acordo com Dana White – deverá enfrentar o vencedor da disputa de cinturão entre Stipe Miocic e Francis Ngannou, que vai ocorrer no próximo dia 27 de março, no UFC 260, em Las Vegas (EUA).