A “Leoa” segue cada vez mais imbatível. Em ação no último sábado (6), na luta co-principal do UFC 259, Amanda Nunes manteve em sua posse o cinturão peso-pena da organização e segue como campeã dupla, afinal, também é detentora do título peso-galo feminino. Diante de Megan Anderson, a brasileira, de início, mostrou a potência dos seus golpes na trocação, mas foi no Jiu-Jitsu que ela sacramentou o triunfo.

Sofrendo com os golpes de Amanda, a australiana tentou derrubar e ficar por cima, mas foi surpreendida ao ver que a baiana teve mais força e conseguiu a queda. Por cima, a representante da equipe American Top Team (ATT) conseguiu a transição para as costas, pegou o braço da oponente e, quando muitos pensavam que viria um triângulo, a campeã voltou a surpreender e encaixou a finalização na chave de braço.

Veja como foi: