Ex-campeão peso-médio do UFC e atualmente com 45 anos de idade, Anderson “Spider” Silva está pronto para embarcar em um novo desafio. No dia 19 de junho, em Guadalajara, no México, o brasileiro vai enfrentar o pugilista mexicano Julio César Chávez Jr, ex-campeão mundial, em uma luta de Boxe. Considerado uma lenda do MMA – acumulando 34 vitórias e 11 derrotas em sua trajetória -, o “Spider” nunca escondeu o desejo de fazer duelos de Boxe, e agora sem contrato com o Ultimate, está livre para se aventurar na modalidade.

Com um cartel de uma vitória e uma derrota no Boxe, em lutas que foram realizadas em 1998 e 2005, a lenda conversou com o site MMA Junkie e ressaltou que está em seus planos fazer mais combates na nobre arte.

“Sim, claro que é possível (fazer mais lutas de Boxe). Eu amo esse esporte e, com certeza, é possível. Vamos ver. O Boxe é um esporte incrível. Amo Boxe e pratico há muito tempo – não profissionalmente, mas procuro dar o meu melhor. Eu continuo treinando e continuo me desafiando. Essa oportunidade de lutar contra o Chávez Jr não é para provar (nada) a ninguém, é só para me desafiar. Quando eu entrar para lutar no ringue contra o Chávez Jr, vou dar o meu melhor e ficar feliz em colocar minha paixão dentro do ringue”, disse o brasileiro, que também falou sobre a possibilidade de encarar Roy Jones Jr, um interesse antigo de Anderson.

“Sim, com certeza (é possível que a luta aconteça), porque falei sobre lutar contra o Roy Jones Jr por muitos e muitos anos, desde quando comecei a atuar no UFC. Acho que agora está se aproximando dessa realidade e vamos ver. Meu foco é só essa luta agora (contra Cháves Jr), e depois vamos ver o futuro”, concluiu o lutador.