Astro do UFC, Conor McGregor foi o atleta mais bem pago do mundo no último ano, segundo a Forbes. Com um total de US$ 180 milhões arrecadados (quase 1 bilhão de reais), o irlandês superou Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, que com US$ 130 milhões e US$ 120 milhões, respectivamente, aparecem em segundo e terceiro.

De acordo com a conceituada revista, o retorno de Conor em janeiro, no UFC 257, rendeu US$ 22 milhões ao irlandês, apesar da derrota por nocaute para Dustin Poirier. A maior parte do seu dinheiro (cerca de US$ 150 milhões), no entanto, veio da venda da marca de uísque “Proper No. Twelve”, reforçando um portfólio de patrocínio que inclui DraftKings, o jogo “Dystopia: Contest of Heroes” e a marca de estilo Roots of Fight.

Aos 32 anos, McGregor é ex-campeão peso-pena e leve do Ultimate, e ostenta um estilo de vida luxuoso nas redes sociais. Ele tem retorno marcado ao octógono para o dia 10 de julho, quando vai enfrentar Dustin Poirier em trilogia na luta principal do UFC 262. O placar está empatado até agora, com uma vitória para cada.

Além de Conor McGregor, Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, completam a lista (saiba mais), em sequência, os atletas Dak Prescott, LeBron James, Neymar, Roger Federer, Lewis Hamilton, Tom Brady e Kevin Durante.

Confira os 10 atletas mais bem pagos do mundo no último ano:

1. Conor McGregor (MMA): US$ 180 milhões
2. Lionel Messi (futebol): US$ 130 milhões
3. Cristiano Ronaldo (futebol): US$ 120 milhões
4. Dan Prescott (futebol americano): US$ 107.5 milhões
5. LeBron James (basquete): US$ 96.5 milhões
6. Neymar (futebol): US$ 95 milhões
7. Roger Federer (tênis): US$ 90 milhões
8. Lewis Hamilton (automobilismo): US$ 82 milhões
9. Tom Brady (futebol americano): US$ 76 milhões
10. Kevin Durante (basquete): US$ 75 milhões