Na última sexta-feira (7), Michael Page anotou mais uma vitória para o seu cartel. No Bellator 258, realizado em Connecticut (EUA), o inglês venceu Derek Anderson por nocaute técnico após quebrar o nariz do seu oponente com um preciso chute alto, logo no primeiro round de combate. Com esse triunfo, o inglês somou o seu quinto resultado positivo de maneira consecutiva depois da derrota para o brasileiro Douglas Lima, atual campeão da categoria meio-médio da organização, e pode estar próximo de uma revanche.

Em 2019, Page era invicto em seu cartel, mas alguns fãs duvidavam de seu potencial, pois, naquele momento, ainda não tinha enfrentado um lutador considerado de “elite”. Quando encarou Douglas, em maio daquele ano, o inglês acabou nocauteado no segundo assalto e essa derrota “manchou” seu cartel com a primeira e única derrota de “Venom” até então. Por ter somado resultados positivos após o revés, o atleta de 34 anos de idade declarou na coletiva pós-luta que não se importa com as críticas, mas que está atrás do seu antigo rival.

“Por eu estar fazendo as coisas com facilidade, e por ele agora parecer uma lata amassada (Derek Anderson), eu mereço lutar pelo cinturão. Não é por ele não ser um lutador incrível, mas sim como eu os faço parecerem quando estou no cage. E eu tenho que aceitar críticas, mas estou na missão de encarar uma pessoa, e esse é Douglas Lima”, declarou.

Porém, os planos de Michael Page podem não ser tão fáceis assim, já que o brasileiro está com luta marcada. Douglas Lima defende o seu cinturão dos meio-médios contra Yaroslav Amosov, no dia 11 de junho, pelo Bellator 260, em Connecticut (EUA). Mesmo assim, caso o brasileiro seja derrotado e perca o título, Page crê que deve ser o próximo da fila a ter o “title shot”.

“Deveria ser a minha próxima luta (contra Douglas Lima). E onde eu estou no ranking, independentemente da opinião de alguém, é onde eu estou. Eu era o número um, agora sou o dois. Tecnicamente, eu deveria ir agora (lutar pelo cinturão), então seja lá quem perca aquela luta (entre Douglas Lima e Yaroslav Amosov), voltarei a ser o primeiro do ranking, por isso mereço a luta pelo título”, encerrou.

Michael Page soma em seu cartel profissional no MMA 19 vitórias e apenas uma derrota. Ele ficou muito famoso por aparecer em vídeos aplicando nocautes plásticos e por provocar seus oponentes no estilo de Anderson Silva.