A moderna estrutura do UFC Apex, localizada em Las Vegas, nos Estados Unidos, recebe neste sábado (8) o UFC Vegas 26. Na luta principal da noite, fazendo seu primeiro main event desde que chegou à organização, Marina Rodriguez terá pela frente a americana Michelle Waterson, em duelo válido pelo peso-mosca, mas que tem ambas oriundas da divisão peso-palha. No co-main event, pela categoria dos meio-médios, o experiente Donald Cerrone, que vem de quatro derrotas e um “No Contest” (luta sem resultado) vai em busca de recuperação em combate diante do americano Alex Morono.

Além de Marina, outros três brasileiros entram em ação. Inicialmente, seriam quatro, todavia, na última sexta-feira (7), Philipe Lins não foi liberado pela equipe médica e sequer compareceu à pesagem oficial, tendo sua luta contra Ben Rothwell, pela divisão dos pesados, cancelada. Dessa forma, Marcos Pezão, Carlos Diego Ferreira e Amanda Ribas representam o país em confrontos diante de Maurice Greene, Gregor Gillespie e Angela Hill, respectivamente.

Marina Rodriguez encara Waterson na luta principal

Marina Rodriguez (13-1-2) protagoniza neste sábado a sua primeira luta principal no UFC. A gaúcha de Bagé enfrenta a americana Michelle Waterson (18-8-0) em duelo válido pela divisão peso-mosca. Contratada depois de participar da versão brasileira do Contender Series, em 2018, a atleta brasileira vem impressionando fãs e imprensa, conquistando vitórias importantes sobre nomes como Tecia Torres, Jessica Aguillar e, mais recentemente, Amanda Ribas. Em janeiro deste ano, Marina nocauteou a compatriota no segundo round e garantiu a sexta colocação no ranking da divisão peso-palha.

A sua adversária, Michelle Waterson, quer aproveitar o bom momento conquistado depois de vencer Angela Hill em setembro de 2020, em confronto que lhe rendeu o bônus de “Luta da Noite”. Ex-campeã do Invicta FC e atual nona na categoria até 52kg, Waterson soma vitórias sobre nomes como Karolina Kowalkiewicz, Paige VanZant e Felice Herrig.

Amanda Ribas mira recuperação contra Hill

A peso-palha Amanda Ribas, que foi superada por Marina em sua última luta, também está de volta ao octógono no evento deste sábado. Atualmente na 11ª colocação do ranking, a mineira de Varginha vinha em uma sequência de quatro vitórias dentro do UFC, até sofrer o revés no começo do ano. Sempre favorita dos fãs, Amanda entra no UFC Apex de olho em voltar a vencer e subir alguns degraus na divisão.

A experiente Angela Hill  entrou no UFC em 2017, depois de participar do reality show The Ultimate Fighter 20, edição que introduziu a divisão peso-palha no maior evento de MMA do mundo. Em sua última aparição, há um pouco menos de dois meses, derrotou Ashley Yoder por decisão unânime.

Diego Ferreira e Marcos Pezão entram em ação

Mais dois brasileiros completam o time de atletas do país no UFC Apex. O amazonense peso-leve Diego Ferreira busca recuperar o bom momento depois que uma derrota por decisão dividida para Beneil Dariush, em fevereiro, interrompeu uma impressionante sequência de seis vitórias. Seu adversário será o americano Gregor Gillespie, que vem de derrota – a única da carreira – para Kevin Lee.

Participante do TUF Brasil 3, o peso-pesado Marcos Rogério de Lima, o “Pezão” tem 13 nocautes e duas finalizações na carreira. O paulista de Ribeirão Pires espera se recuperar contra Maurice Greene, seu oponente em Las Vegas, e iniciar uma sequência de vitórias na categoria.

CARD COMPLETO:

UFC Vegas 26
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 07 de maio de 2021

Card principal
Marina Rodriguez derrotou Michelle Waterson por decisão unânime dos jurados
Alex Morono derrotou Donald Cerrone por nocaute técnico no 1R
Neil Magny derrotou Geoff Neal por decisão unânime dos jurados
Marcos Pezão derrotou Maurice Greene por decisão unânime dos jurados
Gregor Gillespie derrotou Diego Ferreira por nocaute técnico no 2R

Card preliminar
Phil Hawes derrotou Kyle Daukaus por decisão unânime dos jurados
Mike Trizano derrotou Ludovit Klein por decisão unânime dos jurados
Jun Yong Park derrotou Tafon Nchukwi por decisão majoritária dos jurados
Carlston Harris finalizou Christian Aguilera com um triângulo de mão no 1R