Um dos grandes confrontos do Boxe mundial pode acontecer ainda este ano. Nas redes sociais, o britânico Tyson Fury anunciou nas redes sociais que vai enfrentar o compatriota Anthony Joshua, dia 14 de agosto, na Arábia Saudita. Segundo o peso-pesado, o príncipe do país árabe deu “100% de garantia” do combate.

“Tenho uma grande notícia para todos vocês. Acabei de falar ao telefone com o príncipe Khalid (bin Salman Al Saud) da Arábia Saudita, ele me disse que essa luta está 100% fechada. 14 de agosto de 2021. Todos os olhos do mundo estarão voltados para o reino da Arábia Saudita. Eu não posso esperar, repito, não posso esperar para esmagar Anthony Joshua no maior palco de todos os tempos. Este será o maior evento esportivo de todos os tempos para agraciar o planeta Terra. Não perca”, disse o lutador em um vídeo.

Invicto na carreira com 30 vitórias e apenas um empate, Fury, aos 32 anos, entrou em ação pela última vez na segunda luta contra Deontay Wilder em fevereiro de 2020. Após empate no primeiro confronto, o britânico nocauteou o adversário no sétimo round. Atualmente, o lutador carrega os cinturões da WBC e The Ring.

Um ano mais novo que Fury, Joshua ostenta um cartel 24 vitórias e um revés. O lutador, que foi campeão olímpico em 2012, tem posse dos cinturões da WBA, IBF, WBO e IBO. O último compromisso foi contra o búlgaro Kubrat Pulev em dezembro do último, quando colocou os quatro títulos em jogo e conquistou um nocaute.