Após ser confirmado na última segunda-feira (31), o confronto entre Jake Paul e Tyron Woodley no Boxe profissional já tem data confirmada e vai acontecer no dia 28 de agosto, ainda sem local definido. O anúncio foi feito através do YouTuber nas redes sociais e, como já é de costume, o americano aproveitou para provocar o ex-campeão meio-médio do UFC, afirmando que vai nocautear Woodley e deixou um recado até mesmo para Dana White, presidente do Ultimate.

“É oficial. Eu tenho uma lista de pessoas que pretendo nocautear e, quando entro na minha quarta luta profissional, estou animado para cruzar o primeiro da lista ao me desafiar contra Tyron Woodley, cinco vezes campeão do UFC e conhecido por seu poder de nocaute. Tyron falou demais no vestiário quando eu nocauteei seu melhor amigo Ben (Askren) e ganhei um lugar no topo da lista de alvos do ‘Criança Problema’. Tyron é um striker experiente, que já lutou contra os melhores lutadores de MMA do mundo, mas será descartado por uma estrela adolescente da Disney em dois rounds. Talvez, dessa vez Dana White seja realmente um homem de palavra e aposte seu dinheiro em seu ex-campeão, em vez de tentar minar meu sucesso como um ex ciumento. Influenciador vs MMA. vamos lá. É hora do show”, escreveu Jake Paul em sua conta oficial no Instagram.

Tyron Woodley também foi outro a esquentar o clima para o confronto. O experiente atleta, de 39 anos, exaltou a oportunidade de receber o maior salário de sua carreira e minimizou o desafio diante de Jake Paul, tratando o encontro como a luta “mais fácil” da sua carreira nas artes marciais. “The Choosen One” ainda disparou que vai “eliminar” o YouTuber dos esportes de combate.

“É a luta mais fácil da minha carreira e maior bolsa da minha carreira, tudo em uma noite. Basicamente, eles me trouxeram para levar o lixo para fora. Mal posso esperar para calar a boca dessa cadela (Jake Paul). Isso vai ser feito pela cultura, por toda a comunidade do MMA/Boxe, para eliminar esse cara dos esportes de combate”, disparou Woodley, em entrevista a ESPN americana.

Woodley esteve no córner de Ben Askren e, ao ver seu amigo ser nocauteado, se colocou à disposição para enfrentar Jake Paul. Atualmente com 39 anos, foi dispensado pelo Ultimate em março deste ano, após ser finalizado pelo brasileiro Vicente Luque no card do UFC 260. O americano amargou uma sequência de quatro derrotas consecutivas na organização – além de Vicente, foi superado por Colby Covington, Gilbert Durinho e Kamaru Usman.

15 anos mais novo em relação a Tyron Woodley, Jake Paul está invicto no Boxe profissional, com três vitórias contabilizadas desde que passou a se aventurar na nobre arte. O YouTuber é irmão de Logan Paul, que também possui um canal no YouTube e faz duelos na modalidade. Logan, inclusive, tem luta marcada contra o astro do Boxe Floyd Mayweather para o próximo domingo (6).