McGregor segue um fenômeno de pay-per-view e UFC 264 é o segundo mais vendido da história

Publicidade

Conor McGregor é sinônimo de grandes vendas de pay-per-view para o Ultimate e, no último sábado (10), não foi diferente. O irlandês fez a luta principal do UFC 264, em Las Vegas (EUA), contra Dustin Poirier, e o evento alcançou a marca de 1,8 milhão de PPV vendidos nos Estados Unidos, pelo Sports Business Journal.

O número não bateu o recorde do UFC – que era um desejo do próprio irlandês antes do show -, mas colocou a trilogia entre McGregor e Poirier na segunda colocação dos cards mais comercializados na história da companhia, ficando abaixo somente do histórico UFC 229, em outubro de 2018, que teve a vitória do russo Khabib Nurmagomedov sobre “Notorius”. Na ocasião, foram 2,4 milhões de pacotes de pay-per-view ao todo.

Aos 33 anos, o ex-campeão duplo McGregor também é dono do terceiro lugar no ranking, com as revanches contra Nate Diaz e Poirier. Em ambos os eventos, o Ultimate bateu a marca de 1,6 milhão de pacotes vendidos.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade

Jiu-Jitsu