Relson condena trocação de Kron no UFC, cita Diaz e opina: ‘Não precisa fazer Boxe’

Único representante da família Gracie no UFC, Kron Gracie estreou na companhia com vitória por finalização sobre Alex Caceres, em 2019, com um mata-leão no primeiro round. No mesmo ano, acabou sendo derrotado por Cub Swanson via decisão unânime. Na época, muitos fãs e especialistas contestaram a decisão do faixa-preta de Jiu-Jitsu optar pela trocação e não buscar a luta agarrada – que é a especialidade do brasileiro.

Confira + vídeos no Canal do Marinho, AQUI

Na entrevista de estreia do Canal do Marinho no YouTube, comandado pelo jornalista Mario Filho, Relson Gracie, tio de Kron, avaliou a decisão do sobrinho de optar pela trocação e criticou o MMA moderno.

“Essas mudanças, esses novos treinadores, que vem com a mentalidade de que tem que saber trocar… Não precisa saber trocar nada. Ele está treinando com aqueles garotos (Nick e Nate Diaz), essa turma toda é trocadora. Eu nunca ia fazer Boxe, não precisa fazer Boxe”, disse Relson, que fez um convite ao sobrinho:

“Vem treinar comigo. Se muda para o Brasil, passa três meses aqui comigo. Vai voltar a ser um campeão do mundo rápido. Toma seis meses de aula aqui comigo, eu mudo o Kron. Eu assino: se ele perder, eu paro de ensinar. Em três meses, esse menino não dará mais um soco. Vai voltar às origens”, falou o faixa-vermelha.