Strickland supera Uriah Hall e emplaca quinta vitória seguida no UFC; Glorinha é nocauteada

Realizado neste sábado (31), em Las Vegas, nos Estados Unidos, o UFC Vegas 33 deu “dor de cabeça” para os matchmakers da organização. Isso porque, antes do confronto entre Rani Yahya e Kyung Ho Kang ser cancelado faltando poucas horas para o início do evento após o brasileiro testar positivo para Covid-19, outros dez duelos haviam sido alterados, com mais de cinco co-main events desfeitos. Apesar dos problemas, a edição contou com bons momentos. Na luta principal, Sean Strickland dominou Uriah Hall.

Única brasileira em ação no card, Glorinha de Paula enfrentou a americana Cheyanne Buys, mas acabou sofrendo um duro nocaute ainda no primeiro round do combate, amargando a sua segunda derrota seguida no Ultimate. Outros destaques foram Jared Gooden, Melsik Baghdasaryan e Philip Rowe, que nocautearam.

Strickland supera Hall e segue embalado 

Uriah Hall e Sean Strickland começaram o confronto pelo peso-médio de maneira mais cautelosa, com poucos golpes efetivos na curta e média distância. O americano passou a tomar controle do centro do cage e, com isso, tentou pressionar Hall na grade, mas o jamaicano não recuou e chegou a responder com dois bons diretos de direita. No segundo round, após ter uma leve vantagem nos primeiros cinco minutos, Strickland continuou mostrando mais ofensividade, enquanto Uriah apostava nos contragolpes em resposta.

A terceira parcial teve início diferente, com Uriah Hall mudando um pouco sua postura e conectando mais golpes. Sean percebeu a ofensiva, quedou e trabalhou no ground and pound. O jamaicano, em situação de perigo, tentou se levantar, mas não conseguiu. Já a partir do quarto assalto, a luta caiu de ritmo. Com os dois atletas cansados, o americano seguia tomando a iniciativa, acertando alguns bons golpes na trocação.

No quinto e último round, ciente da desvantagem, o jamaicano buscou ser mais ofensivo e foi para o “tudo ou nada”. Porém, o peso-médio americano conseguiu administrar bem o resultado construído ao longo do confronto, frustrou as ações do oponente e saiu vencedor por decisão unânime dos jurados, conquistando assim sua quinta vitória seguida. Hall, por outro lado, voltou a perder após obter quatro triunfos consecutivos.

 

Glorinha de Paula sofre nocaute brutal

Logo nos primeiros segundos de luta, as duas atletas partiram para a trocação franca, até que Cheyanne Buys conseguiu a queda e passou a golpear no ground and pound. A americana se ergueu para colocar o duelo em pé novamente e, com isso, Glorinha de Paula fez a levantada técnica. A brasileira, porém, não se defendeu da maneira adequada no movimento e recebeu um chute potente na cabeça, caindo em knockdown. Vendo Glorinha praticamente entregue, Buys aplicou mais alguns golpes e liquidou a fatura.

 

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Vegas 33
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 31 de julho de 2021

Card principal
Sean Strickland derrotou Uriah Hall por decisão unânime dos jurados
Cheyanne Buys derrotou Glorinha de Paula por nocaute técnico no 1R
Jared Gooden derrotou Niklas Stolze por nocaute no 1R
Melsik Baghdasaryan derrotou Collin Anglin por nocaute no 2R
Jason Witt derrotou Bryan Barberena por decisão majoritária dos jurados

Card preliminar
Chris Gruetzemacher derrotou Rafa Garcia por decisão unânime dos jurados
Danny Chavez x Kai Kamaka III terminou em empate
Jinh Yu Frey derrotou Ashley Yoder por decisão unânime dos jurados
Zarrukh Adashev derrotou Ryan Benoit por decisão unânime dos jurados
Philip Rowe derrotou Orion Cosce por nocaute técnico no 2R