Acostumada a finalizar, Livinha Souza quer conquistar primeiro nocaute no UFC diante de Amanda Lemos: ‘Muay Thai está afiado’

Publicidade

* Com três vitórias em quatro lutas no Ultimate, Livinha Souza vai em busca de mais um triunfo na companhia neste sábado (6), pelo histórico UFC 259. A brasileira vai enfrentar a compatriota Amanda Lemos em um combate na categoria dos palhas. Durante conversa com a TATAME, a lutadora disse que espera mudar um pouco o jogo – que é mais voltado para o grappling – e buscar o primeiro nocaute na franquia.

“Espero ir para cima dela com todas as minhas forças. Sempre imaginamos os 15 minutos de combate, mas estou focada em um nocaute. O meu Muay Thai está afiado. Dei uma enchida de saco de ir para perna e tentar derrubar. Quero fazer diferente”, disse Livinha que, classificou Amanda como “dura” e “completa”.

Já sobre o camp, Livinha disse que teve um cuidado dobrado para evitar o risco de ser contaminada pelo novo coronavírus, mas que conseguiu realizar um bom trabalho: “Foi o meu camp muito bom, dentro das possibilidades causadas pela pandemia. Ficamos com medo de pegar Covid (e a luta cair), porque Campinas e Araraquara (SP) estão em estágio grave. Mas, foi um treinamento bem consciente”, disse.

Sem lutar desde agosto do último ano, quando levou a melhor sobre Ashley Yoder, Livinha disse que se machucou neste intervalo durante um treinamento e teve uma luta contra Kanako Murata cancelada. A paulista contou que não conseguiu usar esse período de quase seis meses para aprimorar outras técnicas.

“Não usei esse período (para aprimorar algo), porque fiquei machucada de outubro até janeiro. Tinha machucado a canela, em um chute, fiquei um mês sem andar”, relatou Livinha, que vai completar 30 anos.

O UFC 259 é, até o momento, o grande card do Ultimate em 2021. Livinha contou sobre a oportunidade de ser escalada para esse show: “Pra mim é inesquecível. Quando soube que a Amanda Nunes ia lutar, o Adesanya, Jan Blachowicz, eu não tinha parado para ver o card todo. Quando vi, só tem bigode grosso (risos). Fiquei feliz que o UFC tem esse carinho por mim. Agradeço o escritório do UFC no brasil, que dá maior suporte”, concluiu.

CARD COMPLETO:

UFC 259
UFC Apex, Las Vegas (EUA)
Sábado, 6 de março de 2021

Card principal (0h, horário de Brasília):
Peso-meio-pesado: Jan Blachowicz x Israel Adesanya
Peso-pena: Amanda Nunes x Megan Anderson
Peso-galo: Petr Yan x Aljamain Sterling
Peso-leve: Islam Makhachev x Drew Dober
Peso-meio-pesado: Thiago Marreta x Aleksandar Rakic

Card preliminar (20h, horário de Brasília):
Peso-galo: Dominick Cruz x Casey Kenney
Peso-galo: Song Yadong x Kyler Phillips
Peso-mosca: Joseph Benavidez x Askar Askarov
Peso-mosca: Rogério Bontorin x Kai Kara-France
Peso-mosca: Tim Elliott x Jordan Espinosa
Peso-meio-pesado: Kennedy Nzechukwu X Carlos Ulberg
Peso-meio-médio: Sean Brady x Jake Matthews
Peso-palha: Livinha Souza x Amanda Lemos
Peso-leve: Uros Medic x Aalon Cruz
Peso-galo: Mario Bautista x Trevin Jones

*Por Yago Rédua

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade