Brasil ou Japão? Aos 48 anos, Anderson Silva revela negociações avançadas para despedida do MMA; confira

Brasil ou Japão? Aos 48 anos, Anderson Silva revela negociações avançadas para despedida do MMA; confira

Anderson Silva vem se aventurando no Boxe após deixar o UFC (Foto: Amanda Westcott)

Sem lutar MMA desde 2020, quando deixou o UFC, Anderson Silva, que vem lutando Boxe, quer fazer uma luta de despedida na modalidade – onde é considerado um dos maiores de todos os tempos. Em entrevista ao podcast “Trocação Franca”, o ex-campeão do Ultimate revelou que tem propostas para realizar uma última aparição nas artes marciais mistas.

“Estamos negociando a minha última luta de MMA, no Japão. Tem tudo a ver, porque eu comecei lá a minha carreira internacional e, provavelmente, estamos querendo que acabe lá também. Vamos ver se isso vai acontecer. Estou esperando terminar esses trabalhos no cinema e pretendemos ir ao Japão para conversar com as pessoas que estão interessadas em levar essa luta para lá”, disse “Spider”.

Anderson Silva desconversou quando foi perguntado se o evento que está negociado é o Rizin FF: “Não posso dizer qual é o evento, porque tem muita coisa acontecendo ao mesmo tempo. Temos várias propostas”, encerrou.

Aos 48 anos, Anderson é tido por muitos fãs e especialistas como um dos maiores da história do MMA. O brasileiro foi campeão dos médios do UFC e ostenta uma série de recordes na companhia. Como profissional, o curitibano carrega um cartel de 34 vitórias, 11 derrotas e um “No Contest” (luta sem resultado). Desde que deixou o Ultimate em 2020, “Spider” tem se aventurando no Boxe, onde venceu duas vezes, perdeu uma e ainda teve uma luta de exibição.

Saiba mais sobre Anderson Silva, aqui