Animada por lutar em casa, Amanda Ribas prevê duelo difícil com Randa Markos no UFC Brasília e diz: ‘Foco é na minha luta”

Publicidade

*Uma das grandes apostas do MMA brasileiro dentro do UFC, Amanda Ribas vai para o terceiro compromisso dentro da organização no próximo sábado (14), no UFC Brasília. A mineira vai encarar a canadense Randa Markos em combate que será válido pelo peso-palha. A brasileira fez uma análise da adversária e destacou que vai trabalhar para impor o seu jogo e tirar “Quiet Storm” da zona de conforto.

“A Randa é uma adversária muito forte e estratégica, então, o foco da minha luta é para eu conseguir fazer o meu jogo e não deixá-la impor o jogo dela. Ela tem finalizações e um empate, porque eu acho que ela consegue fazer isso muito bem que é impor a estratégia e aniquilar os pontos fortes das oponentes. Eu tenho treinado e focado muito nisso”, analisou Amanda à TATAME.

Inicialmente, a adversária de Ribas seria Paige VanZant que precisou deixar o card por conta de uma lesão. Com cartel de oito vitórias e apenas uma derrota, Amanda comentou também sobre a oportunidade de lutar pela primeira vez em um card do UFC no Brasil, a preparação para este confronto com Markos, que foi dividida entre Varginha (MG) e a sede da American Top Team nos Estados Unidos, e muito mais!

Confira abaixo a entrevista com Amanda Ribas:

– Camp para o UFC Brasília

Eu comecei o meu camp em Varginha, na minha cidade, depois fui para a ATT (American Top Team) e cheguei em Brasília há alguns dias para me adaptar. Eu lutei apenas uma vez aqui em Brasília, que foi Judô. Achei quente e seco o clima. Na época deu super certo e espero que dê agora também (risos).

https://www.instagram.com/p/B9r0ZcUHvc5/

– Objetivos pós-UFC Brasília

O primeiro foco é passar pelo Markos, estou treinando muito e me dedicando 100% no que eu faço. Estou me entregando na dieta, nos treinos, na fisioterapia… Para chegar lá tranquila em relação ao meu trabalho pré-luta. Passando pela Markos, me sinto, sim, pronta para uma Top-5, mas eu quero lutar com a Paige (VanZant) antes, porque já tínhamos acertado tudo e acho que será uma luta interessante para todos.

– Início de caminhada no UFC

Passa um filme na minha cabeça… Porque eu fiquei quase três anos sem lutar. A minha última luta antes do UFC foi em 2016. Depois veio toda a questão do doping e quando aconteceu a primeira luta no UFC, eu finalizei uma atleta muito forte. Já na segunda luta, ganhei trabalhando mais o meu jogo em pé. Contra a Markos já penso em um jogo mais diferente. Eu fico muito feliz em começar na maior organização de MMA do mundo soltando o meu jogo, eu vejo essa caminhada como o início de algo grandioso, com muito sorrisão, gargalhada. Eu amo estar ali. Quero mostrar sempre isso, que não importa o lugar que você esteja, do lugar que você venha, se você tem muita força de vontade, coragem e felicidade, a energia que você coloca retorna para você.

CARD COMPLETO:

UFC Brasília
Distrito Federal, Brasil
Sábado, 14 de março de 2020

Card principal
Peso-leve: Kevin Lee x Charles do Bronx
Peso-meio-médio: Demian Maia x Gilbert Durinho
Peso-leve: Renato Moicano x Damir Hadzovic
Peso-meio-pesado: Johnny Walker x Nikita Krylov
Peso-leve: Francisco Massaranduba x John Makdessi

Card preliminar
Peso-mosca: Jussier Formiga x Brandon Moreno
Peso-palha: Amanda Ribas x Randa Markos
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Alexei Kunchenko
Peso-galo: Rani Yahya x Enrique Barzola
Peso-mosca: Mayra Sheetara x Maryna Moroz
Peso-mosca: Bruno Bulldoguinho x David Dvorak
Peso-galo: Veronica Macedo x Bea Malecki

*Por Yago Rédua

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade