Após mudança para a Pitbull Brothers, Fábio Aguiar volta ao cage do Bellator com sede de vitória

Publicidade

Lutando no cenário nacional, Fábio Aguiar conquistou o impressionante recorde de 17 vitórias e apenas uma derrota em 18 duelos, números que lhe renderam um contrato com o Bellator MMA. Após ter combates cancelados duas vezes devido à pandemia, o pernambucano estreou no Bellator 255, em abril deste ano, contra o russo Khalid Murtazaliev, ex-UFC, e teve sua sequência de nove vitórias consecutivas interrompida.

Na época, Fábio fazia alguns de seus treinos em João Pessoa, na Paraíba, na equipe Eduardo Machado Team, que depois se tornou uma filial da Pitbull Brothers, e também na sua própria academia, em Recife. Durante a pandemia, ele concentrou todos os seus treinos em casa para diminuir os riscos de contágio do vírus.

“Até então, eu comandava os meus treinos, fazia sete treinos por dia e, para bater o peso, passava vários dias sem comer. Vi o Patrício Pitbull e o Gugu Azevedo batendo peso, mesmo comendo na semana da luta, e fiquei impressionado. O pessoal da Pitbull me deu bastante suporte e chamou para treinar com eles direto”, disse.

Após a luta, Fábio organizou as malas e se mudou para Natal, no Rio Grande do Norte, para se juntar à equipe. Nesta sexta-feira (20), pelo Bellator 265, ele terá a chance de dar a volta por cima contra Taylor Johnson.

“Eu havia treinado com eles por dois dias, um mês antes da minha última luta, e achei a qualidade dos treinos muito alta. Vi que precisava dessa mudança, que o nível é outro. Hoje faço dois treinos por dia e valem mais que os sete que eu fazia. Estou há dois dias da pesagem em ótima forma e comendo bem, graças ao excelente trabalho do Chicão Freitas, nutricionista do time e também preparador físico”, falou, completando:

“Minha expectativa é muito boa para essa luta. Meus treinos foram ótimos, estou sem nenhuma lesão e vou trazer essa vitória para o Brasil. Aprendi muito com a última experiência. Hoje me vejo como um novo lutador, e ainda com muito espaço para melhorar. Pretendo mostrar nesta luta contra o Taylor Johnson tudo o que eu não mostrei na minha estreia no Bellator”, garantiu o lutador brasileiro, atualmente aos 33 anos de idade.

CARD COMPLETO:

Bellator 265
Sioux Falls, na Dakota do Sul (EUA)
Sexta-feira, 20 de agosto de 2021

Card principal
Peso-pesado: Cheick Kongo x Sergei Kharitonov
Peso-meio-médio: Dante Schiro x Logan Storley
Peso-pesado: Marcelo Golm x Billy Swanson
Peso-casado: Jornel Lugo x Keith Lee

Card preliminar
Peso-médio: Fábio Aguiar x Taylor Johnson
Peso-leve: Mike Hamel x Bryce Logan
Peso-meio-médio: Archie Colgan x Ben Simons
Peso-médio: Deven Fisher x Duane Johnson
Peso-casado: Kory Moegenburg x Bailey Schoenfelder

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade