Após triunfo, Vitor Belfort desafia Jake Paul para luta valendo R$ 160 milhões: ‘O vencedor leva tudo’

Publicidade

Antes sem lutar desde 2018, Vitor Belfort retornou à ação no último sábado (11), na Flórida (EUA), quando enfrentou a lenda Evander Holyfield pelo evento de Boxe “Triller Fight Club Legends 2”. Sem maiores dificuldades, o brasileiro fez valer a diferença de 14 anos – ele tem 44, enquanto o americano 58 – e venceu por nocaute técnico ainda no primeiro assalto, após uma série de golpes, em especial na curta distância.

Empolgado com o triunfo, Belfort aproveitou o microfone e, ainda no ringue, lançou um desafio para Jake Paul. O youtuber, vale citar, está invicto no Boxe profissional, vindo de vitória sobre Tyron Woodley em agosto.

“Tem esse garoto e nós temos 25 milhões de dólares, o vencedor leva tudo. Vamos lá! Hey, Jake Paul, pare de correr de mim. Eu vou te ensinar uma lição. Você pode ser meu filho. Você vai encontrar com o papai aqui no Triller. Pare de correr, sua p***”, questionou o ex-campeão do UFC e uma das lendas do MMA mundial.

Pouco tempo depois, em entrevista coletiva, Vitor reforçou o desafio. Segundo o lutador brasileiro, a proposta, com o auxílio do Triller, seria de US$ 30 milhões (cerca de R$ 160 milhões), com a parte burocrática já resolvida e o vencedor faturando tudo. Agora, cabe a Jake Paul se pronunciar e aceitar ou não o confronto.

“Seriam 25 milhões inicialmente, mas a organização aumentou para 30 milhões, e contra o Canelo Álvarez seriam 40 milhões. Como eles podem dizer não para isso? O vencedor leva tudo. Se o Oscar De La Hoya quiser lutar também, estou aqui, mas o Jake está no topo da minha lista. Preciso ensinar uma lição para ele”, disse.

Vitor Belfort, que na nobre arte já havia feito uma luta, em 2006, ao derrotar Josemario Neves por nocaute, chegou ao seu segundo triunfo na modalidade. Aos 44 anos, o brasileiro é ex-campeão do UFC, além de ostentar um cartel de 26 vitórias e 14 derrotas no MMA. Já Jake Paul, 24 anos, vem ganhando projeção no Boxe profissional após quatro vitórias seguidas – três nocautes -, sobre o também youtuber AnEsonGib, Nate Robinson (ex-NBA), Ben Askren e recentemente Tyron Woodley, ex-campeão do UFC, por decisão dividida.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade