Bate-Estaca prega esperança após revés para Shevchenko no UFC 261: ‘Dias melhores vão vir’

Publicidade

No último sábado (24), ao entrar em ação no card do UFC 261, a ex-campeã peso-palha Jessica Bate-Estaca teve a chance de se tornar também campeã na categoria peso-mosca feminino ao enfrentar a atual detentora do cinturão, Valentina Shevchenko, mas a brasileira teve seus planos frustrados e acabou sendo derrotada pela atleta do Quirguistão por nocaute técnico no segundo round, desperdiçando a oportunidade de conquistar o título em duas divisões de peso diferentes.

Apesar do duro revés, Jessica garante ter levado aprendizados visando os próximos desafios de sua carreira nas artes marciais mistas. Com 29 anos e um cartel profissional de 21 vitórias e nove derrotas, a paranaense se pronunciou sobre o combate diante de Valentina através de suas redes sociais e ressaltou que tem esperança em dias melhores dentro do octógono do Ultimate.

“Só perde quem luta! Ontem (sábado) não foi nosso dia, seguimos em frente! Obrigado por todo carinho que tenho recebido, obrigado mestre Gilliard Paraná e equipe PRVT, obrigado a todos que contribuíram para o meu camp. Seguimos fortes, dias melhores virão”, escreveu a lutadora.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade