Borrachinha encara Jared Cannonier pelo UFC em agosto; Darren Till terá Brunson pela frente

Publicidade

Na madrugada da última quarta-feira (12), mais dois combates envolvendo brasileiros foram confirmados pelo Ultimate, segundo a ESPN americana. Enquanto Paulo Borrachinha vai retornar após derrota em disputa de cinturão para encarar Jared Cannonier, na luta principal do UFC no dia 21 de agosto, o peso-leve Thiago Moisés irá enfrentar Islam Makhachev no dia 17 de julho. Os dois cards ainda terão seus locais confirmados.

Sem lutar desde setembro do ano passado, quando foi nocauteado pelo campeão peso-médio Israel Adesanya, Borrachinha iria encarar Robert Whittaker em abril, porém, uma forte gripe o impediu de seguir no combate. Em segundo lugar no ranking da categoria até 84kg, Paulo terá o quarto colocado pela frente em busca de um novo title shot. Aos 30 anos, o brasileiro acumula 13 vitórias e somente uma derrota no cartel.

Já Jared Cannonier enfrentou o próprio Whittaker, em outubro do ano passado, mas acabou derrotado por decisão unânime dos jurados. Antes disso, o americano havia superado David Branch, Anderson Silva e Jack Hermansson, todos por nocaute. Aos 37 anos, o “Killa Gorila” tem 13 triunfos e cinco reveses no MMA.

Darren Till enfrenta Brunson

Além de Borrachinha x Cannonier, outro importante duelo pelo peso médio vai acontecer no dia 14 de agosto, quando Darren Till e Derek Brunson vão liderar um UFC Fight Night. Atualmente na sexta posição entre os melhores da divisão, Till não atua desde julho do ano passado, quando perdeu para Whittaker, e teve três lutas canceladas até agora. Brunson, por sua vez, é o quinto e vive grande fase, com quatro triunfos seguidos.

Thiago Moisés vai pegar russo

O outro brasileiro que teve compromisso marcado, Thiago Moisés vem muito bem na categoria dos leves. Ele somou três vitórias consecutivas nas suas últimas apresentações, mas vai encarar uma pedreira pela frente. Islam Makhachev, que treina com o ex-campeão Khabib Nurmagumedov, tem um cartel de 19 vitórias e apenas uma derrota. Ele soma sete resultados positivos e não sabe o que é perder um combate desde 2015.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade