Campeã dupla do UFC, Amanda é indicada ao lado de Cormier, Cejudo e Adesanya a prêmio da ESPN; veja

Publicidade

Campeã em duas categorias do UFC, Amanda Nunes, primeira mulher na história a conquistar esse feito, vai concorrer ao prêmio de melhor lutador (a) da ESPYS. A cerimônia de gala da ESPN acontece anualmente desde 1993 e premia os atletas nos últimos 12 meses. Neste ano, a edição será no próximo dia 10 de julho, em Los Angeles (EUA).

A brasileira, em dezembro passado, derrotou Cris Cyborg por nocaute ainda no primeiro round e conquistou o cinturão peso-pena do UFC. A “Leoa” já era dona do título peso-galo e tem em seu currículo uma incrível vitória sobre Ronda Rousey no fim de 2017. No próximo dia 6, Amanda defende o cinturão dos galos contra a ex-campeã Holly Holm.

A baiana, única mulher na disputa, vai competir com outros três lutadores do UFC. Daniel Cormier, que também chegou a ser campeão duplo do UFC, mas precisou abrir mão do título dos meio-pesados e manteve cinturão no peso pesado, Henry Cejudo, que recentemente entrou na seleta galeria de “double champ” com os títulos no peso mosca e no peso galo, além de Israel Adesanya, novo campeão interino dos médios.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade