Carlston Harris exalta segundo triunfo seguido no UFC e evolução: ‘Buscando mostrar novas armas’

Publicidade

Duas lutas, duas vitórias. O início de Carlston Lindsay Harris no maior evento de MMA do mundo não poderia ser melhor. Em maio, ele venceu Christian Aguilera por finalização ainda no primeiro round, e no último sábado (18), pelo UFC Vegas 37, o casca-grossa derrotou Impa Kasanganay por nocaute técnico – também no primeiro round. O atleta da RFT ficou feliz com o desempenho e destacou que sua evolução é resultado de muito trabalho e dedicação nos treinos.

“O meu desempenho nesta luta foi excelente! Minha performance nada mais é do que fruto de muito trabalho duro e dedicação. Quando entro no octógono, eu não vejo outro resultado. A gente não sabe o que pode acontecer durante a luta, mas eu estava muito confiante. Essas duas vitórias só mostram que estou pronto para onde a luta se desenrolar, seja em pé ou no chão. E MMA é isso, estou sempre procurando evoluir para apresentar novas armas. E acredito que aos poucos eu venho mostrando essa evolução”, comentou o pupilo de Márcio Cromado.

Essa foi a quinta vitória consecutiva de Carlston Harris, que chegou ao seu 17º triunfo em 21 lutas de MMA. Apesar de conseguir dois triunfos pela via rápida, “Moçambique”, como é conhecido, não planeja voltar a lutar este ano. No momento, ele irá priorizar a sua saúde e fará alguns exames para saber quando estará apto a fazer um camp de maior intensidade antes de retornar.

“Até gostaria de fazer mais uma luta este ano, mas preciso cuidar da minha saúde primeiro. Estou sentindo algumas dores e vou fazer uns exames para saber como estou. Preciso preservar também o meu corpo, porque é a minha ferramenta de trabalho. Não acredito que volte a lutar este ano não, mas vou esperar para ver o que o médico tem a dizer após os exames”, concluiu.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade