Cigano, Overeem e mais: Bellator anuncia volta de Fedor para evento na Rússia e estuda rivais

Publicidade

Sem lutar desde dezembro de 2019, quando bateu Quinton “Rampage” Jackson, Fedor Emelianenko vai retornar ao cage e teve compromisso agendado pelo Bellator para o dia 23 de outubro. Será um evento histórico da organização liderada por Scott Coker em Moscou, na Rússia, na estreia da franquia no país.

Após o Bellator 261, na última sexta-feira (25), Coker revelou que grandes nomes que estão livres no mercado já se colocaram à disposição para enfrentar Fedor na Rússia. Inclusive, o dirigente citou uma conversa com o agente do brasileiro Junior Cigano, que foi desligado do UFC neste ano e não assinou com nenhum evento.

“Acredite em mim, não há escassez de oponentes para a Rússia agora. Ouça, os empresários de todos os agentes livres estão ligando. Josh Barnett estava me enviando uma mensagem hoje. Falei com o empresário do Junior Cigano alguns dias atrás. Alistair Overeem… A lista continua indefinida”, garantiu o presidente.

Fedor é uma das maiores lendas do MMA e idolatrado em todo o mundo. O russo foi um dos ícones do extinto PRIDE e carrega um cartel de 39 vitórias e seis derrotas – tendo enfrentado outros grandes ícone da história do esporte. Ao canal oficial do Bellator, o lutador de 44 anos comentou sobre este desafio em outubro.

“Os fãs russos estão muito empolgados para ver o Bellator em Moscou, assim como os lutadores estão animados em mostrar suas habilidades na Rússia. Em 2012, tive algumas lesões que estavam me atrapalhando e achei que estava acabado, mas agora estou pronto e entendo que minha carreira não vai durar muito mais tempo, então quero aproveitar o máximo que puder”, comentou o peso-pesado nas redes.

 

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade