Com show de Jiu-Jitsu, campeões na faixa-preta são definidos no Abu Dhabi Grand Slam Rio da AJP

Publicidade

O segundo e último dia do Abu Dhabi Grand Slam Rio de Janeiro, na Arena Carioca 1, situada no Parque Olímpico da Barra, teve todos os ingredientes que os fãs do Jiu-Jitsu amam. Lutas em alto nível, muitas emoções e uma organização de altíssimo padrão fizeram do ADGS o evento da arte suave a ser visto no Brasil em 2020.

O domingo, 6 de dezembro, foi dedicado à faixa-preta nas categorias master 1 e 2, além do adulto. As áreas de luta na Arena Carioca foram palco para grandes atuações de conhecidos campeões, mas também uma legião de novos vencedores, que não temeram nada no caminho para o alto do pódio.

No masculino faixa-preta, entre os adultos, Jonas Andrade, Meyran Maquine, Gabriel Figueiró, Lucas Gualberto, Wellington Alemão, Gutemberg Pereira e Wallace Costa foram os campeões de suas respectivas categorias. No feminino faixas marrom e preta, Maria Eduardo Ono, Bia Basílio, Julia Alves, Julia Boscher e Gabi Pessanha deram show e ficaram com a medalha dourada.

Veja como cada peso do adulto faixa-preta se definiu:

Masculino Adulto Faixa-Preta

Peso-pluma (56kg) – Em final disputada, Jonas Andrade pegou Diogo Reis em um triângulo a segundos do fim. Reis resistiu, mas Jonas ganhou a vantagem que empatou a luta em 1 a 1 e levou o título por ter sido o último a pontuar.

Peso-pena (62kg) – Meyran Maquine controlou as ações durante boa parte da luta pela medalha de ouro contra Fabrício Andrey para construir uma vantagem de 4 a 2 e garantir o título na categoria.

Peso-leve (69kg) – Gabriel Figueiró saiu atrás no placar, mas raspou Israel Almeida e conquistou a medalha de ouro com uma vantagem de 2 a 1.

Peso-meio-médio (77kg) – Em mais uma disputa acirrada pela medalha de ouro, Lucas Gualberto e Yan Picapau mantiveram-se em pé por quase cinco minutos. No final, Gualberto conquistou o título por decisão dos árbitros após um empate em 0 a 0.

Peso-médio (85kg) – Wellington Alemão saiu na frente do placar com 1 a 0 no início da disputa pelo título. Essa vantagem foi suficiente para garantir a vitória sobre Matheus Spirandelli e, consequentemente, a medalha de ouro.

Peso-meio-pesado (94kg) – Guttemberg Pereira teve o controle total da categoria. Na disputa pela medalha de ouro, ele teve um ótimo desempenho e confortavelmente construiu uma vantagem de 8 a 0 nos pontos sobre Rider Zuchi.

Peso-super-pesado (120kg) – Wallace Costa foi outra boa novidade nas disputas da divisão de peso, chegando ao topo do pódio. Ele garantiu a medalha de ouro com uma vantagem de 7 a 0 nos pontos sobre Igor “Tigrão” Schneider na final.

Feminino Adulto Faixa Marrom/Preta

Peso-galo (49kg) – Na primeira grande surpresa da tarde, Maria Eduarda Tozoni fez um jogo muito inteligente contra Brenda Larissa e conseguiu garantir o título na decisão dos árbitros após um empate em 0 a 0.

Peso-pluma (55kg) – Em duelo entre dois grandes nomes da categoria, Bia Basilio fez um jogo seguro e conseguiu uma vantagem inicial de 1 a 0 sobre Amanda Monteiro. Quando o relógio bateu zero, Bia pôde comemorar mais uma medalha de ouro no AJP Tour.

Peso-leve (62kg) – Em luta pelo ouro de curta duração, Julia Alves pegou Ivhalaynie Meira com um triângulo para garantir o título.

Peso-médio (70kg) – Outra agradável surpresa da competição teve Julia Boscher como protagonista. Com uma vantagem de 2 a 1, ela se tornou a primeira competidora a vencer Thamara Ferreira no peso-médio. A luta pela medalha de ouro foi intensa e decidida somente após o árbitro de vídeo.

Peso-pesado (95kg) – Mais uma disputa intensa em uma das rivalidades mais acirradas do Jiu-Jitsu na atualidade. Gabi Pessanha e Yara Soares fizeram uma luta acirrada, que chegou aos segundos finais da maneira mais emocionante possível. Em um último esforço, Gabi tentou uma raspagem e foi recompensada com uma vantagem de 1 a 0, que foi importante para a conquista do título. Com isso, Gabi continua sendo a dona de sua categoria de peso no AJP Tour.

Clique AQUI para ver os resultados completos.

A temporada 2020/2021 do ADGS retorna em 7 de fevereiro, em Moscou, na Rússia. Clique AQUI para mais informações.

RESULTADOS COMPLETOS:

Masculino faixa-preta
Até 56kg: Jonas Andrade derrotou Diogo Reis por vantagem após 1 a 1
Até 62kg: Meyran Maquine derrotou Fabrício Andrey por 4 a 2 nos pontos
Até 69kg: Gabriel Figueiró derrotou Israel Almeida por 2 a 1 nas vantagens
Até 77kg: Lucas Gualberto derrotou Yan Picapau na decisão dos árbitros
Até 85kg: Wellington Alemão derrotou derrotou Matheus Spirandelli por 1 a 0 nas vantagems
Até 94kg: Gutemberg Pereira derrotou Rider Zuchi por 8 a 0 nos pontos
Até 120kg: Wallace Costa derrotou Igor Schneider por 7 a 0 nos pontos

Feminino faixas marrom/preta
Até 49kg: Maria Eduarda Tozoni derrotou Brenda Larissa na decisão dos árbitros
Até 55kg: Bia Basílio derrotou Amanda Monteiro por 1 a 0 nas vantagens
Até 62kg: Julia Alves finalizou Ivhalaynie Meira com um triângulo
Até 70kg: Julia Boscher derrotou Thamara Ferreira por 2 a 1 nas vantagens
Até 95kg: Gabi Pessanha derrotou Yara Soares por 1 a 0 nas vantagens

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img