Cris Cyborg nocauteia no fim e coroa mais uma defesa de título no Bellator 259; Higo vence

Publicidade

Cris Cyborg defendeu na noite de sexta-feira (21) o cinturão dos penas do Bellator pela segunda vez. A brasileira fez a luta principal da edição 259, em Connecticut (EUA), e conquistou o triunfo por nocaute técnico sobre Leslie Smith já nos instantes finais do quinto e decisivo round. No co-main event, Leandro Higo reencontrou o ex-campeão Darrion Caldwell e levou a melhor no embate por decisão dividida dos árbitros.

Na primeira luta entre Cyborg e Smith, em 2016, quando Cris estreava no UFC, a americana durou apenas um round e foi nocauteada pela brasileira, sem esboçar qualquer reação. Desta vez, apesar de um domínio impressionante da curitibana nos cinco rounds, a desafiante foi valente e resistiu aos ataques com resiliência.

Mesmo sabendo que estava ganhando na pontuação, Cyborg não desistiu de buscar o nocaute no confronto. No segundo e quarto assalto, a brasileira chegou próximo de nocautear com bons cruzados. Mas, nos instantes finais da da luta, Cris aplicou um direto no queixo da adversária, que sofreu o knockdown. Na sequência, a campeã aplicou mais golpes no ground and pound até o árbitro Dan Miragliotta interromper.

Higo leva a melhor em revanche

Em duelo equilibrado válido pela categoria dos galos, Leandro Higo foi superior ao ex-campeão e ficou com a vitória por decisão dividida. É o terceiro triunfo seguido do brasileiro dentro do Bellator. Já o americano conhece o segundo revés seguido – tinha perdido para AJ McKee Jr. em novembro do último ano. Em março de 2018, na primeira luta entre os dois, “The Wolf” finalizou potiguar com uma guilhotina no primeiro round.

Além de Cris e Higo, o Brasil também foi representado por Maycon Mendonça. O peso-meio-médio de Rio das Ostras, no interior do Rio, foi superado por Jaleel Willis por unanimidade. Foi a estreia do brasileiro no evento.

CONFIRA OS RESULTADOS:

Bellator 259
Uncasville, em Connecticut (EUA)
Sexta-feira, 21 de maio de 2021

Card principal
Cris Cyborg derrotou Leslie Smith por nocaute técnico no 5R
Leandro Higo derrotou Darrion Caldwell por decisão dividida dos jurados
Austin Vanderford derrotou Fabian Edwards por decisão unânime dos jurados
Jaleel Willis derrotou Maycon Mendonça por decisão unânime dos jurados
Hannah Guy derrotou Valerie Loureda por decisão unânime dos jurados

Card preliminar
Saad Awad derrotou Nate Andrews por nocaute técnico no 1R
Grant Neal finalizou Tyree Fortune com um mata-leão no 1R
Sumiko Inaba derrotou Kristina Katsikis por nocaute técnico no 3R
Aviv Gozali finalizou Sean Felton com uma chave de calcanhar no 1R
Davion Franklin derrotou Tyler King por nocaute técnico no 1R
Leah McCourt finalizou Janay Harding com um triângulo no 2R
Brett Johns derrotou Danny Sabatello por decisão unânime dos jurados
Alexander Shabliy derrotou Alfie Davis por decisão unânime dos jurados

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade