Dana abre caminho para realizar Borrachinha x Whittaker, descarta título interino em jogo e revela pressão do brasileiro: ‘Está nos aterrorizando’

Publicidade

Em entrevista recente à ESPN americana, Dana White, presidente do UFC, afirmou que o ex-campeão Robert Whittaker precisaria de mais uma luta para ter a chance de disputar o cinturão dos médios novamente. O neozelandês, que soma dois triunfos seguidos na categoria, planejava esperar o campeão Israel Adesanya, que vai encarar Jan Blachowicz, dono do cinturão dos meio-pesados, no dia 6 de março, pelo UFC 259.

Essa negativa de Dana aos planos de Whittaker surgiu como uma “vitória” para Paulo Borrachinha. O brasileiro vem, há alguns meses, pedindo por este combate, em especial após a confirmação que Adesanya iria subir para a divisão dos meio-pesados. Wallid Ismail, empresário do mineiro, também reforçou o pedido.

Dana comentou ao site TheMacLife que Borrachinha e sua equipe estão o “aterrorizando” para casar o confronto. No entanto, o dirigente descartou a ideia do brasileiro de fazer a disputa com um cinturão interino em jogo: “Bom, eu posso dizer a vocês que o Borrachinha e seu time estão nos aterrorizando para fazer essa luta contra Whittaker. Sim, eu faria essa luta”, declarou o presidente do UFC, sem dar mais detalhes.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade