Dana se ‘esquiva’ de perguntas sobre Conor: ‘Eu disse que ele perdeu o título?’

Publicidade

Sem lutar pelo Ultimate desde novembro de 2016, Conor McGregor segue como campeão linear peso-leve da organização, no entanto, conta com a pressão de ter que defender seu título, já que não entra no cage há quase dois anos e sua categoria, tida como uma das mais difíceis do UFC, vem com nomes fortes à espera de uma oportunidade para disputar o título linear.

Prova disso foi o duelo anunciado entre o atual campeão interino, Tony Ferguson, e o russo Khabib Nurmagomedov, para o UFC 223, marcado para acontecer no dia 7 de abril, em Nova York. Os dois lutadores, com uma extensa série de vitórias, poderiam perfeitamente estar disputando o cinturão linear dos leves. Pressionado a dar um rumo na divisão, o presidente da franquia, Dana White, foi questionado se a luta entre Ferguson e Khabib colocaria em jogo o título interino ou linear, no entanto, o mandatário preferiu se esquivar do assunto.

“Não tenho nenhuma atualização. O vencedor dessa luta será o campeão. Eu disse que quem vencer será o campeão”, limitou-se a dizer Dana White, que falou recentemente sobre a possibilidade de retirar o cinturão linear de Conor McGregor, caso o irlandês não retorne ao UFC em breve.

O “Big Boss”, em entrevista coletiva na última sexta-feira (19), voltou a ser perguntado sobre destituir o “Notorious” do posto de campeão linear peso-leve, todavia, se esquivou das perguntas feitas pelos jornalistas sobre o assunto.

“Não, não tem nenhuma razão (de não comentar sobre a destituição de Conor McGregor). Eu falei que ele perdeu o cinturão? Próxima pergunta. Alguém tem alguma pergunta?”, despistou Dana.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade