Dana White se rende ao Esquadrão Brasileiro durante quinta semana do Contender Series

Ao todo, Dana White, presidente do evento, assinou com cinco atletas, sendo três representantes do Esquadrão Brasileiro

Dana White se rende ao Esquadrão Brasileiro durante quinta semana do Contender Series

Dana White contratou três lutadores do Esquadrão Brasileiro (Foto: Reprodução)

O Esquadrão Brasileiro está cada vez mais fortalecido no UFC. Na noite de terça-feira (5), mais três representantes do Brasil foram contratados para integrar o elenco da franquia através do Contender Series. Ao todo, Dana White, presidente do evento, assinou com cinco atletas – o que soma até aqui, nesta sétima temporada, 21 novos competidores na companhia.

No confronto entre dois membros do Esquadrão Brasileiro, Brendson Ribeiro mostrou toda a volúpia do seu jogo em pé para nocautear Bruno Lopes ainda no primeiro round. O meio-pesado precisou de 3m47s para encantar Dana White. No peso-pena, Jean Silva venceu o argentino Kevin Vallejos por decisão unânime, mas apresentou um jogo agressivo no octógono. Por fim, Dione Barbosa finalizou a americana Rainn Guerrero com uma chave de braço no fim do primeiro assalto e ficou com a vaga no peso-mosca.

Além dos três nomes que foram contratados do Esquadrão Brasileiro, Dylan Budka garantiu a vaga nos médios após superar o sul-africano Chad Hanekom por unanimidade. Em um final polêmico, o canadense Serhiy Sidey superou Ramon Taveras por nocaute técnico, mas o americano aparentava certa consciência no combate. Dana White prometeu ao peso-galo uma nova oportunidade no Contender Series em breve.

O reality Contender Series é disputado nas instalações da companhia em Las Vegas (EUA), o UFC Apex, e tem transmissão exclusiva do Fight Pass, o serviço de streaming do Ultimate.

Snapinsta.app 375791840 881268813365181 3519374991006879042 n 1080

Novos lutadores contratados pelo UFC através do Contender (Foto: Divulgação)

CONFIRA OS RESULTADOS:

Contender Series – Semana #5
UFC Apex, Las Vegas (EUA)
Terça-feira, 05 de setembro de 2023

Brendson Ribeiro derrotou Bruno Lopes por nocaute técnico no 1R
Serhiy Sidey derrotou Ramon Taveras por nocaute técnico no 1R
Dylan Budka derrotou Chad Hanekom por decisão unânime dos jurados
Jean Silva derrotou Kevin Vallejos por decisão unânime dos jurados
Dione Barbosa finalizou Rainn Guerrero com uma chave de braço no 1R

Para conferir mais notícias sobre o Esquadrão Brasileiro, clique aqui