Do Bronx aposta em McGregor contra Poirier e garante: ‘Vamos nos enfrentar e eu vencerei’

Publicidade

Atual campeão peso-leve do UFC, o paulista Charles do Bronx participou de uma coletiva de imprensa em Brasília, na última sexta-feira (25), para o lançamento da nova plataforma de apostas esportivas BetCombat, da qual é embaixador, e também para anunciar o seu novo projeto social, a Fábrica de Campeões.

Durante um pouco mais de uma hora de entrevista com jornalistas no estúdio e perguntas online, Do Bronx respondeu diversas perguntas sobre a sua primeira defesa de cinturão, preparação visando os próximos desafios no UFC, relação com a família e objetivos a serem atingidos dentro da maior organização de MMA.

Como já era esperado, o campeão recebeu uma série de perguntas sobre a trilogia entre Conor McGregor e Dustin Poirier, que acontece no dia 10 de julho, na luta principal do UFC 264, em Las Vegas (EUA). A tendência é de que o vencedor do combate seja o próximo adversário do brasileiro em disputa pelo cinturão até 70kg.

“Vai ser uma luta muito boa e eu estarei lá (em Las Vegas) para presenciar, conhecer o meu próximo adversário, olhar olho no olho. Eu creio que o Conor McGregor vai vencer, dessa vez ele está vindo com uma postura diferente, uma mentalidade mais focada e, até o final do ano, vamos nos enfrentar e eu vencerei”.

Ao ser questionado do jeito de Conor em promover suas lutas e gerar polêmicas, Do Bronx foi categórico: “Ele é aquele cara que vai falar demais, demais mesmo, ainda mais que ele está voltando e, se vencer o Dustin, será mais um cara que vai cair sentado na minha frente. Como falei, hoje o UFC vive uma nova história”.

O campeão ainda aproveitou a oportunidade para revelar que está tocando seu segundo projeto social, em parceria com a BetCombat e a academia Chute Boxe Diego Lima. O primeiro fica no Guarujá, na sua academia de treinos. “Com a minha conquista do cinturão, muitas portas começaram a se abrir e eu sou muito grato a Deus por isso. Hoje, estou colhendo tudo o que eu plantei durante todos esses anos e quero que outros jovens cheguem a esse patamar também, de um menino da favela que conquistou o mundo. Por isso nós vamos semear na vida dessas pessoas carentes por meio da luta com a Fábrica de Campeões”, revelou.

“Estamos construindo um CT para atletas profissionais e crianças carentes lá em São Paulo. É um espaço com 2.000m², onde vamos ensinar diversas artes marciais, mas não restritos a isso. Teremos cursos de inglês, empreendedorismo e educação financeira, para que eles tenham toda estrutura para crescer”, completou.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade