Double Five e Infight destacam preparação forte para retorno das competições da FJJD-Rio e elogiam formato GP; saiba

Publicidade

O retorno dos eventos da FJJD-Rio vai acontecer nos dias 10 e 11 de outubro, na Arena Carioca 1, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. Inicialmente, a federação tinha como objetivo realizar apenas o GP dos leves e com uma área de luta. No entanto, devido ao apelo dos líderes de equipe e professores, a organização decidiu, com toda cautela e mantendo o protocolo sanitário contra Covid-19, colocar a divisão dos pesados, nas classes juvenil, adulto e master, entre a faixa-azul e preta no GP Rio.

Registra-se no GP Rio e Troféu Rio Novatos, AQUI

Rogério Gavazza, presidente da FJJD-Rio, comentou sobre essa decisão de ampliar o evento: “A comunidade do Jiu-Jitsu está com muita saudade de sentir aquela adrenalina das competições e bastante empolgada para o retorno. As grandes equipes no cenário nacional estão se preparando pesado e pretendem entrar forte para a conquista do título, mas sabem que não terão moleza”, projetou.

Um dos principais nomes da Double Five, Bruno Formiga contou sobre a expectativa do time para participar do GP Rio, que terá também o Troféu Rio Novatos – que é exclusivo para faixa-branca – e o Queen of Rio, voltado ao público feminino. O professor destacou que a preparação está sendo “forte” para as competições, em especial após a liberação da prefeitura do Rio para a prática de treinos com contato físico.

“Estamos bem confiantes na liberação dos eventos aqui no Rio e os alunos estão muito empolgados e ansiosos pelo retorno das competições, já que agora podemos treinar com contato físico o que facilita a preparação para o retorno. A federação mandou muito bem com essa iniciativa (de realizar o GP) e, se mantiverem para os próximos anos, com certeza terão muitas equipes querendo participar. Estamos trabalhando forte para montar os times e, se tudo der certo, teremos equipes em todas as faixas e categorias de peso (leves e pesados) no juvenil, adulto e no master”, projetou Formiga, que também achou correta a decisão da FJJD-Rio de adiar o evento para outubro, que antes estava agendado para setembro.

Rogério Poggio, líder da Infight, também apontou para os treinos mais intensos após o processo de flexibilização no município do Rio de Janeiro em relação ao novo coronavírus. O professor destacou a grande expectativa para este retorno: “O treino com contato físico está autorizado por decreto da prefeitura, mas os nossos competidores já voltaram a treinar há algum tempo, inclusive a parte física, porque quando as competições voltarem, vamos ter eventos quase todos os finais de semana e ficar parado desde março prejudicou muito os atletas de alto rendimento. Mesmo treinando e se preparando fisicamente, a adrenalina das competições é o que move essas feras da arte suave. E, por isso, estão com uma expectativa muito grande para essa volta”, comentou o faixa-preta, que elogiou o formato de GP escolhido pela FJJD-Rio:

“Achei muito legal essa iniciativa, porque competição nesse formato envolve todos e mesmo se um dos atletas perder a luta, ele fica na esperança da equipe virar o jogo e sair vitoriosa, podendo, com isso, lutar novamente na próxima rodada. Mesmo não podendo ter público nas arquibancadas nesse momento, o próprio time que está ali para lutar, vai vibrar bastante na beira do tatame. Como o evento será transmitido ao vivo pelo YouTube da Federação, espero termos uma grande torcida da Infight pela internet”, concluiu.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img