Combate entre Reyes e Prochazka lidera o UFC Vegas 25; quatro brasileiros entram em ação

Publicidade

Moderna estrutura do Ultimate situada em Las Vegas, nos Estados Unidos, o Apex recebe neste sábado (1) o UFC Vegas 25. A luta principal da noite será válida pela divisão dos meio-pesados. Ex-desafiante ao cinturão da categoria, o americano Dominick Reyes vai encarar a sensação tcheca Jiri Prochazka, em combate importante para o futuro da classe de peso – que tem o polonês Jan Blachowicz como atual campeão.

O evento também vai contar com quatro brasileiros em ação, todos pelo card preliminar. Poliana Botelho e Luana Dread fazem um embate entre compatriotas, válido pela categoria peso mosca. Já no peso palha, a casca-grossa Luana Pinheiro irá estrear no UFC diante da experiente Randa Markos. Por fim, na abertura da noite, pelo peso pena, Felipe Cabocão tem luta decisiva para o seu futuro contra o americano Luke Sanders.

Luta principal entre meio-pesados

Os meio-pesados Dominick Reyes (12-2-0) e Jiri Prochazka (27-3-1) fazem a luta principal do evento deste sábado. Terceiro no ranking da categoria, Reyes lutou pelo título da divisão até 93kg nas suas últimas duas aparições, mas acabou sendo superado pelo então campeão Jon Jones e nocauteado por Jan Blachowicz em confronto que valia o cinturão. As duas derrotas são as únicas da carreira do americano, que antes somava 12 vitórias seguidas. Um novo triunfo pode colocá-lo novamente no topo da lista do meio-pesado.

Quem também está de olho nessa vaga é Jiri Prochazka. Quinto lugar da divisão, o atleta tcheco foi contratado pelo UFC no ano passado e impressionou em sua estreia, nocauteando Volkan Oezdemir aos 49s do segundo round. Prochazka vem de incrível sequência de 12 triunfos, sendo os últimos nove por nocaute.

 

Duelo de brasileiras em destaque

Em luta válida pelo peso mosca, Poliana Botelho (8-3-0) e Luana “Dread” Carolina (6-2-0) se enfrentam pensando no Top 15. Natural de Muriaé, em Minas Gerais, Poliana soma três vitórias e duas derrotas desde que entrou no UFC, em 2017. Em sua última luta, em outubro passado, ela acabou superada por Gillian Anderson.

Contratada depois de participar da versão brasileira do reality show “Dana White’s Contender Series”, Luana Dread tem um triunfo e um revés dentro. Ela venceu Priscila Pedrita em 2019, mas perdeu para Ariane Lipski.

 

Luana Pinheiro faz estreia pelo UFC

O Ultimate recebe uma nova atleta brasileira neste sábado. A paraibana Luana Pinheiro (8-1-0) conquistou contrato com a maior organização de MMA do mundo no final do ano passado, quando participou do “Dana White’s Contender Series”. Na ocasião, nocauteou a americana Stephanie Frausto no primeiro round e recebeu elogios até do presidente do UFC, Dana White. Ex-judoca, Luana já declarou que a mudança do Judô para o MMA foi influenciada por Ronda Rousey, que fez a migração e virou a primeira mulher campeã do UFC.

A adversária de Luana será a veterana Randa Markos (10-11-1), que aos 35 anos de idade, não vive um bom momento no octógono. A canadense, que participou do The Ultimate Fighter 20, soma três derrotas seguidas.

 

Felipe Cabocão busca recuperação

O atleta do Amapá, Felipe “Cabocão” Colares (9-2-0) completa o time de brasileiros no UFC Apex. Cabocão enfrenta o americano Luke Sanders (13-4-0) em busca de reabilitação no peso pena. Em sua última aparição no octógono, em janeiro do ano passado, Felipe acabou sendo superado por decisão unânime por Montel Jackson. Seu adversário vive situação parecida, tendo sido finalizado por Joseph Nathan em novembro.

 

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Vegas 25
UFC Apex, em Las Vegas (EUA)
Sábado, 1º de maio de 2021

Card principal 
Jiri Prochazka derrotou Dominick Reyes por nocaute no 1R
Giga Chikadze derrotou Cub Swanson por nocaute técnico no 1R
Ion Cutelaba x Dustin Jacoby terminou em empate por decisão dividida
Sean Strickland derrotou Krzystof Jotko por decisão unânime dos jurados
Merab Dvalishvili derrotou Cody Stamann por decisão unânime dos jurados

Card preliminar 
Luana Pinheiro derrotou Randa Markos por desqualificação (golpe ilegal)
T.J. Brown derrotou Kai Kamaka III por decisão dividida dos jurados
Luana Dread derrotou Poliana Botelho por decisão dividida dos jurados
Loma Lookboonmee derrotou Sam Hughes por decisão unânime dos jurados
Andreas Michailidis derrotou KB Bhullar por decisão unânime dos jurados
Felipe Cabocão derrotou Luke Sanders por decisão unânime dos jurados

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img