Em alta após nocaute sobre Askren, Jake Paul é desafiado por BJ Penn, Woodley e mais atletas: ‘Me deixem salvar a comunidade do MMA’

Publicidade

O grande acontecimento do final de semana ficou por conta da vitória de Jake Paul sobre Ben Askren, em luta de Boxe que aconteceu no último sábado (17), no evento Triller Fight Club, em Atlanta (EUA). Diante do ex-lutador do UFC e ex-campeão meio-médio do ONE Championship, o YouTuber não teve dificuldades e saiu vencedor por nocaute em pouco mais de um minuto de combate.

Invicto no Boxe profissional, agora com três vitórias contabilizadas, Jake Paul vem atraindo atenção cada vez maior dos fãs de artes marciais e, consequentemente, os lutadores já começam a ficar de olho no americano, tendo em vista o retorno financeiro que um possível combate pode trazer. Após vencer um nome conhecido do MMA, Jake Paul recebeu inúmeros desafios de outras estrelas do esporte, a começar pela lenda do MMA BJ Penn, ex-campeão de duas categorias no UFC, que através das redes sociais, se mostrou interessado em enfrentar o americano no Boxe.

“Olá, ‘Triller (organização responsável por promover o duelo entre Jake Paul e Ben Askren. Me envie o contrato que eu ficarei feliz em nocautear este filho da p*** em um round”, disparou BJ, que atualmente está com 42 anos e foi dispensado pelo UFC no ano passado, após amargar uma série de sete derrotas consecutivas na companhia.

Quem também não perdeu tempo foi Tyron Woodley. Ex-campeão meio-médio do Ultimate, o americano, que vem de quatro derrotas seguidas na organização e é amigo pessoal de Ben Askren, mostrou-se disposto a “vingar” a derrota sofrida pelo seu parceiro de treinos: “Aproveite dizendo que você é um lutador. Tente essa m*** comigo e vou te matar. Você faz aglomeração com p***. Eu não entraria em uma guerra de travesseiros com você”, escreveu o veterano.

Treinador de Jiu-Jitsu de Conor McGregor e atualmente integrando o plantel do Bellator, o polêmico Dillon Danis, que já possui um histórico de confusões e provocações com Jake Paul, não perdeu a oportunidade de também aproveitar o “hype” do seu rival para, novamente, desafiá-lo: “Deixe-me salvar a comunidade do MMA. Me envie o contrato e vamos fazer isso acontecer. Não corra, Jake Paul”, desafiou o americano.

Até mesmo Robert Whittaker, que no último sábado, derrotou Kelvin Gastelum na luta principal do UFC Vegas 24, entrou no assunto do momento e não descartou a possibilidade de enfrentar Jake. Em entrevista coletiva após o evento, o ex-campeão peso-médio do UFC afirmou que aceitaria enfrentá-lo por um valor menor que o oferecido a Ben Askren: “Sim, eu lutaria com ele por menos”, respondeu o australiano ao ser questionado se aceitaria enfrentar Jake Paul em uma luta de Boxe.

Além de BJ Penn, Tyron Woodley, Dillon Danis e Robert Whittaker, nomes como Matt Brown, Chris Leben e Jimi Manuwa, através das redes sociais, também se mostraram interessados em medir forças contra o Youtuber na nobre arte.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade