Esquiva vê Popó com ‘raiva’ e alerta Bambam: ‘Você está colocando sua vida em risco’

Esquiva Falcão falou sobre os perigos que Bambam corre ao enfrentar um lutador com larga experiência e teme pela vida do ex-BBB

Esquiva vê Popó com ‘raiva’ e alerta Bambam: ‘Você está colocando sua vida em risco’

Esquiva Falcão acredita que Bambam corre sérios riscos de saúde ao enfrentar Popó no FMS 4 (Foto: Reprodução)

Esquiva Falcão está preocupado com Kléber Bambam. O medalhista olímpico divulgou um vídeo em suas redes sociais onde declarou que o ex-BBB “está colocando a sua vida em risco” ao enfrentar Acelino Popó Freitas na luta principal do Fight Music Show 4, que vai acontecer no próximo sábado (24), em São Paulo. O pugilista revelou que assistiu a live promovida pela organização e notou uma “raiva” em Popó, e alertou Bambam sobre os “perigos” que ele corre ao escolher confrontar o tetracampeão mundial de Boxe.

“Eu vi um ódio muito grande, muito forte do Popó durante a live que eles fizeram. O Popó falou que vai botar a mão com violência no Bambam. Isso é perigoso, é muito perigoso. Ele tem uma experiência de mais de 30 anos que pratica o Boxe, ele sabe onde bater, como machucar, enquanto o Bambam nunca levou um soco bem encaixado na vida. Existem lutas de profissionais no Boxe que terminaram em acidente, em mortes e que deixaram sequelas graves nas pessoas”, declarou Esquiva, que seguiu:

“Esse assunto é muito sério. Não estamos falando de uma luta de dois profissionais, mas sim de um profissional contra alguém que nunca colocou uma luva na mão. Levantar 100kg no supino é diferente de dar um soco. A força não é a mesma. Bambam, você não sabe onde você está se metendo. Você está colocando sua vida em risco, em um perigo total”, finalizou o pugilista.

Aos 46 anos, Kléber Bambam fará sua estreia no Boxe, enquanto Popó, que é dois anos mais velho e tem de 22 anos de experiência na nobre arte, já fez 43 lutas profissionais e acumulou 41 vitórias, sendo tetracampeão mundial. Desde 2022, o baiano tem se dedicado às lutas de exibição, onde é a principal estrela do Fight Music Show, com três lutas realizadas.

Já Esquiva Falcão participou da primeira edição do Fight Music Show. Na ocasião, o capixaba derrotou o ex-BBB Yuri Fernandes. Medalhista olímpico, o pugilista conheceu a primeira derrota na carreira profissional em 2023, quando foi superado por Vincenzo Gualtieri, em julho, na disputa do cinturão vago dos médios da IBF (Federação Internacional de Boxe). Ainda não há uma previsão para a próxima luta do atleta na nobre arte.

Para mais notícias sobre Acelino Popó Freitas e Kleber Bambam, clique aqui