Ex-sparring de Anderson Silva e Rampage, brasileiro encara pedreira russa na luta principal do ACA 119: ‘Confiante em um bom resultado’

Publicidade

Sem atuar desde 2019, o potiguar Wendres da Silva, conhecido como “Godzilla”, sofreu com a pandemia e viu duas lutas suas serem canceladas em 2020. Mas nesta sexta-feira (12), o atleta da Pitbull Brothers finalmente entrará em ação. Já em Krasnodar, na Rússia, e de peso batido, o lutador terá pela frente a pedreira russa Artem Frolov – que vem de derrota, mas fez três lutas em 2020 – pelo Absolute Championship Akhmat (ACA) 119. Apesar do longo tempo sem lutar, Godzilla garante que se manteve ativo e chegará bem no duelo.

“Minha última luta foi em 2019, mas me preparei o ano passado para duas lutas que não aconteceram. Devido à pandemia, as duas foram canceladas, mas eu me mantive treinando e com alimentação regrada. Por isso, a minha expectativa para essa luta contra o Artem Frolov é muito boa e espero sair com a vitória”.

O lutador, que chegou a ser sparring dos ex-campeões do UFC Quinton “Rampage” Jackson e Anderson Silva, possui 21 lutas em seu cartel, sendo 14 vitórias e sete derrotas. Em sua última apresentação, ele venceu Baysangur Vakhitov na centésima edição do ACA, e agora quer engatar uma sequência positiva na franquia.

“O Artem Frolov gosta de trocar bastante e tem uns cruzados muito bons, mas eu estou bem preparado para qualquer área. O caminho para vencer a luta é colocá-lo para o chão quando ele der uma brecha, mas tenho que fazer uma trocação com ele antes. Estou confiante em um bom resultado”, concluiu o peso-médio.

 

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade