Fight Club encerra 2021 com mais uma edição de sucesso

Evento de MMA amador, o Fight Club teve grandes combates na sua 16ª edição e coroou ainda um campeão peso-leve; veja como foi o show de lutas

Publicidade

No último domingo (12), aconteceu a 16ª edição do Fight Club, em evento que contou com mais de 27 lutas de MMA e K1 amador. Responsável por revelar grandes talentos para o MMA profissional nos últimos anos, casos do campeão peso-mosca do Thunder Fight, Hugo Paiva, do ex-campeão interino peso-pena do SFT, Wellington Predador, entre outros, o Fight Club 16 teve a participação de mais de 60 atletas de 27 equipes diferentes de todo o estado de São Paulo, além de lutadores vindo do Paraná e Minas Gerais. O público presente, vale citar, ficou em êxtase com o show de lutas.

Os destaques da última edição do ano ficaram por conta dos jovens Andrey Pinheiro, de 17 anos e natural do litoral paulista, e de Rafael Cavalhero, de 16 anos, que venceram seus combates por nocaute ainda no primeiro round em apenas 8 e 7 segundos, respectivamente. Já Rodrigo Miag, da equipe Brothers Fight, sagrou-se campeão do GP peso-leve ao nocautear Willyames Lima no assalto inicial, enquanto Leandro Rodrigues e Guilherme Santos receberam o prêmio de “melhor luta”.

Em parceria com o evento de MMA profissional SFT Combat, todos os duelos do Fight Club 16 serão reprisados aos sábados à noite, no canal de TV da Band, para todo o Brasil. Feito esse, aliás, que é inédito na história da modalidade no Brasil.

A organização ainda não divulgou a data exata da sua próxima edição, mas Magno Wilson, idealizador do Fight Club, garantiu que o próximo evento será em meados de fevereiro de 2022.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade