Finalista da segunda edição do Ultimate contra Royce Gracie, Patrick Smith morre

Publicidade

Um dos primeiros atletas a competir no Ultimate, Patrick Smith, que defendia a bandeira do Kickboxing no UFC, morreu vítima de câncer. A notícia foi confirmada pelo site Middle Easy. O ex-lutador, de 55 anos, estava com carcinoma sarcomatoide da bexiga, além disso, também foi diagnosticado com carcinoma urotelial. A gravidade da doença de Smith era tão profunda que a família criou um site para arrecadar dinheiro para o funeral e sepultamento, com ele ainda em vida.

O peso-pesado integrou ao elenco do UFC 1, que contou com oito lutadores. Eliminado na primeira fase por Ken Shamrock, Smith regressou na segunda edição e parou apenas na final, quando perdeu para Royce Gracie. No geral, o seu cartel de quase 40 lutas no MMA terminou com 20 vitórias e 17 derrotas.

Em 2009, após perder para Kevin Jordan, o peso-pesado resolveu se aposentar. No entanto, retornou em 2015 para mais duas lutas e saiu com o revés em ambos os compromissos. Patrick lutou contra nomes conhecidos, como Kimo Leopoldo, Fábio Gurgel, Marcos Ruas e Conan Silveira.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade