O que o futuro reserva para Jon Jones após luta contra Miocic no UFC 295? Veja as possibilidades

Ex-campeão meio-pesado, Jon Jones conquistou o cinturão até 120kg em março e trouxe vida nova para a divisão; confira mais

O que o futuro reserva para Jon Jones após luta contra Miocic no UFC 295? Veja as possibilidades

Jon Jones tem luta pelo título cancelada pela oitava vez (Foto: Divulgação/UFC)

* O retorno de Jon Jones ao octógono não poderia ter sido melhor. Após três anos se preparando para subir de categoria, o ex-campeão meio-pesado finalizou Cyril Gane no primeiro round, em março, capturando o ilustre cinturão dos pesados no UFC 285. Com a vitória, “Bones” se reafirmou como um dos maiores nomes da história do MMA e agora se prepara para a sua primeira defesa de título, contra Stipe Miocic, no UFC 295, marcado para o dia 11 de novembro, em Nova York (EUA). Uma vitória contra Miocic, maior campeão da categoria até 120kg no Ultimate, fortalecerá mais ainda o legado de Jon Jones.

Com 27 vitórias e somente uma derrota (golpe ilegal) no cartel, Jon Jones reina no topo entre os maiores do UFC. Nos olhos de muitos, o americano já era o melhor lutador de todos os tempos antes mesmo de se tornar campeão dos pesados, e sua distância do resto da competição só tende a aumentar com o sucesso na categoria.

Jon Jones fez 36 anos na última quarta-feira (19) e provavelmente está na reta final da sua ilustre carreira. Porém, não é apenas Miocic que passa no radar do campeão até 120kg. Na nova divisão, existem vários potenciais oponentes que chamam a atenção de “Bones” e certamente capturam o interesse dos fãs, entre eles um brasileiro em alta.

Stipe Miocic, o primeiro desafiante

Desde a vitória sobre Ciryl Gane, em março, já tinha ficado claro que a primeira defesa de cinturão de Jon Jones seria contra Francis Ngannou – hoje na PFL MMA – ou Stipe Miocic, dois ex-campeões dos pesados. E após alguns imbróglios, Jones x Miocic acabou sendo marcado para o dia 11 de novembro, no tradicional Madison Square Garden, em Nova York (EUA).

Miocic faz 41 anos em agosto, e a luta contra “Bones” será a sua nona disputa de título seguida desde que ele se tornou campeão, em 2016, ao derrotar o brasileiro Fabrício Werdum. O americano de origem croata é o recordista de duelos valendo cinturão na categoria até 120kg (nove) e de mais defesas bem-sucedidas (quatro). Em seu currículo de 20 triunfos e quatro derrotas no MMA, ele tem vitórias sobre Werdum, Alistair Overeem, Junior Cigano, Daniel Cormier e até Ngannou, responsável por destroná-lo em março de 2021, em sua última aparição no octógono.

Jon Jones e Stipe Miocic vão se enfrentar no UFC 295, em novembro (Foto: Reprodução/UFC)

Jon Jones e Stipe Miocic vão se enfrentar no UFC 295, em novembro (Foto: Reprodução/UFC)

Possíveis futuros rivais de Jon Jones

> Sergei Pavlovich

Em caso de vitória sobre Stipe Miocic, Jon Jones pode se aposentar ou aumentar seu legado no MMA. Caso siga lutando, se formos analisar apenas o ranking, ninguém tem um argumento para lutar pelo cinturão melhor que o russo Sergei Pavlovich. Com seis vitórias consecutivas, todas por nocaute, Pavlovich se encontra sozinho no topo do ranking dos pesados. Derrick Lewis, Tai Tuivasa e Curtis Blaydes, três dos melhores lutadores da categoria, não passaram do primeiro round com o russo. Apesar de pouco conhecido pelos fãs e seu nome não ter muito peso, a luta pelo título é quase inevitável.

> Tom Aspinall

Tom Aspinall iniciou o ano de 2022 como grande promessa, contando com o apoio dos fãs ingleses e uma vitória impressionante no primeiro round, contra Alexander Volkov. Em seguida, foi colocado em uma luta contra Curtis Blaydes, que certamente o colocaria muito bem posicionado na categoria caso vencesse. Infelizmente, o inglês se lesionou nos primeiros segundos da luta e ficou fora do octógono por um ano.

Porém, o inglês vai ter a oportunidade de ouro para voltar com tudo no próximo sábado (22), quando vai encarar o polonês Marcin Tybura no evento principal do UFC em Londres, na Inglaterra.

> Jailton Malhadinho

Outro nome que está vindo com tudo na divisão dos pesados é o brasileiro Jailton Malhadinho. Com cinco vitórias consecutivas no início da sua trajetória no UFC, onde em apenas uma passou do primeiro round, Malhadinho impressionou ao finalizar Jairzinho Rozenstruik, em maio. Em novembro, o brasileiro enfrenta Curtis Blaydes, em São Paulo, e com uma vitória, seu nome certamente começará a aparecer entre os desafiantes para o título.

As opções para o campeão do peso-pesado são diversas, e com a ascensão da nova leva de competidores internacionais no UFC, a divisão nunca esteve tão interessante. Para o resto da categoria, está em jogo a oportunidade de ser o primeiro a derrotar um dos maiores nomes do esporte. Para Jon Jones, é o momento de acabar com todas as dúvidas e encerrar de vez o debate de quem é o maior lutador da história do MMA.

Jailton Malhadinho vem embalado por cinco vitórias em cinco lutas no UFC (Foto: Divulgação/UFC)

Jailton Malhadinho vem embalado por cinco vitórias em cinco lutas no UFC (Foto: Divulgação/UFC)

  • Texto por Pedro Palma