Lewis e Gane disputam cinturão interino na luta principal do UFC 265; Aldo enfrenta Pedro Munhoz

Publicidade

Marcado para este sábado (7), a partir das 19h15 (horário de Brasília), o UFC 265 vai consagrar um novo campeão peso-pesado, mas interino. Enquanto o dono do cinturão linear, Francis Ngannou, segue sem previsão para retornar ao octógono, Derrick Lewis, segundo no ranking da categoria, e Ciryl Gane, terceiro colocado, irão se enfrentar pelo título provisório até 120kg. O evento acontece em Houston, Texas (EUA).

No co-main event, um aguardado embate entre brasileiros: José Aldo x Pedro Munhoz, pela divisão dos galos. Ainda representando o Brasil, Vicente Luque, Melissa Gatto e Anderson Berinja entram em ação.

Lewis e Gane disputam título interino

Derrick Lewis (25-7) tem como objetivo impressionar os fãs de sua cidade natal e, finalmente, colocar as mãos em um cinturão do UFC. Detentor do recorde de mais nocautes na história dos pesos pesados ​​da organização, com 12 ao todo, “Black Beast” – como é conhecido o lutador – provou ser um dos melhores do mundo com um triunfo sobre o atual campeão Francis Ngannou, em 2018, além de vitórias icônicas contra Alexander Volkov, Travis Browne e Curtis Blaydes. Ele agora quer aumentar sua lista de vítimas, se tornar o primeiro homem a derrotar o francês Gane e, em seguida, bater Ngannou novamente pelo título linear.

Ciryl Gane (9-0) tem, desde que ingressou no UFC, em 2019, o cinturão peso-pesado como desejo. No MMA profissional há menos de três anos, Cyril conseguiu uma ascensão meteórica entre os pesos pesados, impulsionada por vitórias sobre Junior Cigano, Don’Tale Mayes e, mais recentemente, Alexander Volkov.

 

Duelo verde e amarelo no peso-galo

Na segunda luta mais importante da noite, dois brasileiros ficarão frente à frente em Houston. Ex-campeão peso-pena e atualmente em quinto no ranking peso-galo, José Aldo (29-7) vai enfrentar o compatriota Pedro Munhoz (19-5, 1 NC), nono na divisão. Aldo vem embalado por sua primeira vitória desde que mudou de categoria, em 2019. Aos 34 anos, ele espera que um novo resultado positivo o coloque mais perto do título até 61kg. Do outro lado, Munhoz também vem de um triunfo, diante de Jimmie Rivera, em fevereiro. O objetivo do lutador da American Top Team é o mesmo: vencer e se aproximar do cinturão, hoje com Aljamain Sterling.

 

Vicente Luque de olho no title shot

Um dos principais nomes do Brasil no octógono hoje em dia, o meio-médio Vicente Luque (20-7-1), sexto no ranking, terá um duro desafio contra Michael Chiesa (18-4), na que promete ser uma das melhores lutas do evento. Enquanto o brasileiro venceu nove das suas últimas dez apresentações, com três triunfos consecutivos, o americano Chiesa, quinto na divisão, não perde desde dezembro de 2018: são quatro triunfos.

 

Mais lutadores brasileiros em ação

Outros dois brasileiros estarão em ação no Toyota Center. Anderson Berinja (21-8) irá encarar o americano Miles Johns (11-1) no peso-galo. O duelo entre os dois estava agendado para acontecer 17 de julho, mas acabou adiado por conta dos protocolos de controle da Covid-19. Já Melissa Gatto (6-0-2) fará sua estreia no UFC após uma espera de três anos. Seu primeiro desafio vai ser com a americana Victoria Leonardo (8-4).

CONFIRA OS RESULTADOS:

UFC 265
Houston, no Texas (EUA)
Sábado, 7 de agosto de 2021

Card principal
Ciryl Gane derrotou Derrick Lewis por nocaute técnico no 3R
José Aldo derrotou Pedro Munhoz por decisão unânime dos jurados
Vicente Luque finalizou Michael Chiesa com um triângulo invertido no 1R
Tecia Torres derrotou Angela Hill por decisão unânime dos jurados
Song Yadong derrotou Casey Kenney por decisão dividida dos jurados

Card preliminar
Rafael Fiziev derrotou Bobby Green por decisão unânime dos jurados
Alonzo Menifield derrotou Ed Herman por decisão unânime dos jurados
Vince Morales derrotou Drako Rodriguez por decisão unânime dos jurados
Jessica Penne finalizou Karolina Kowalkiewicz com uma chave de braço no 1R
Manel Kape derrotou Ode Osbourne por nocaute no 1R
Miles Johns derrotou Anderson Berinja por nocaute técnico no 3R
Melissa Gatto derrotou Victoria Leonardo por nocaute técnico (interrupção médica) 2R
Johnny Muñoz finalizou Jamey Simmons com um mata-leão no 2R

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidadespot_img