Leandro Lo brilha e leva novo ouro duplo no Pan; Luiza Monteiro fatura o absoluto

Publicidade

Considerado um dos principais eventos do calendário na arte suave, o Pan de Jiu-Jitsu, organizado pela IBJJF, teve seu encerramento no último domingo (11), com diversas feras da modalidade em ação. Repetindo o feito do ano passado, Leandro Lo voltou a faturar o ouro duplo na faixa-preta, sendo campeão nos pesados e no absoluto. No feminino, a campeã do peso aberto foi Luiza Monteiro, que fechou com a companheira Bia Basílio.

Em sua categoria de peso, Lo teve pela frente na final o americano Tanner Rice e saiu vencedor por 2 a 0 nos pontos. Já no absoluto, o líder da NS Brotherhood encarou o jovem Gutemberg Pereira e ganhou pelo mesmo placar, consolidando seu ouro duplo. Já no feminino, nos médios, Luiza Monteiro fechou com a experiente Angélica Galvão, que ficou com o título. No peso aberto, Luiza voltou a fechar – agora com o ouro -, com Bia Basílio.

Confira os resultados completos do Pan 2018 da IBJJF, aqui

Finais por categoria no masculino

As disputas das finais na faixa-preta começaram no peso-galo, onde Tomoyuki Hashimoto derrotou Koji Shibamoto por 2 a 1 nas vantagens e sagrou-se campeão. No peso-pluma, o vencedor foi João Miyao, que superou Pablo Mantovani por 6 a 4 nos pontos. No peso-pena, Gianni Grippo venceu Shane Hill-Taylor por 4 a 1 nas vantagens e também garantiu o ouro. Já no peso-leve, JT Torres e Michael Liera Jr. fecharam entre eles para a Atos.

Na divisão dos médios, confirmando sua boa fase, o jovem Gabriel Arges derrotou Marcos Tinoco por 1 a 0 nas vantagens e foi o grande campeão. Nos meio-pesados, Lucas Hulk e Gustavo Braguinha fecharam, em mais uma dobradinha da Atos. No super-pesado, melhor para Keenan Cornelius, que superou Mahamed Aly por 1 a 0 nas vantagens. Fechando as disputas por categoria no masculino faixa-preta, João Gabriel Rocha finalizou Ricardo Evangelista com um armlock e garantiu mais um título do Pan para o seu currículo.


Finais por categoria no feminino

Na categoria peso-pluma, Gezary Matuda foi a campeã após derrotar Talita Alencar na decisão dos árbitros. No peso-pena, Karen Antunes teve um retorno triunfal e garantiu o ouro após vencer Jaqueline Moraes por 4 a 0 nos pontos. Na divisão dos leves, Bia Mesquita assegurou o primeiro lugar ao finalizar Jena Bishop no estrangulamento.

Na divisão dos meio-pesados, Nathiely Jesus manteve a ótima fase e foi campeã após superar Carina Santi por 8 a 6 nos pontos. No peso-pesado, o ouro ficou com Maria Malyjasiak, que venceu Yacingta Nguyen-Huu por 2 a 0 nos pontos. Já no super-pesado Cláudia do Val garantiu o título ao finalizar Hillary Vanornum com uma omoplata.

Luiza Monteiro conquistou o absoluto e, na categoria, fechou com Angélica Galvão (Foto: FloGrappling)
Luiza Monteiro conquistou o absoluto e, na categoria, fechou com Angélica Galvão (Foto FloGrappling)

Kaynan brilha na faixa-marrom

Grande revelação da Atos, Kaynan Duarte foi o “cara” na faixa-marrom do Pan 2018. Para garantir o ouro duplo, primeiro o lutador superou Leon Brito, da BTT, na final dos pesados. Depois, em grande atuação até a decisão do absoluto, fechou com seu companheiro de equipe Dominique Bell, que havia sido bronze no peso-meio-pesado.

Entre outros destaques, quem também brilhou foi Kennedy Maciel, filho do casca-grossa Rubens Charles Cobrinha. Sem tomar conhecimento dos rivais, o jovem chegou à final do peso-pluma, e após fechar com Vagner Silveira, garantiu mais um ouro para sua coleção.

@kaynanduarte is a passing machine! #ibjjfpan2018 Watch all matches live on @flograppling, link in bio.

Uma publicação compartilhada por IBJJF (@ibjjf) em


Atos garante título por equipes

Na disputa por equipes no Pan de Jiu-Jitsu, a grande campeã foi a Atos, que garantiu incríveis 142 pontos. Em segundo, ficou a Alliance, com 60 pontos, seguida da Cícero Costha, que terminou a competição com 44 pontos. No feminino, a Alliance ficou venceu com 44 pontos, à frente da Atos e da Gracie Humaitá, com 36 e 33, respectivamente.

Confira abaixo os resultados completos do adulto faixa-preta:

> Masculino

Peso-galo – Tomoyuki Hashimoto venceu Koji Shibamoto por 2 a 1 nas vantagens
Peso-pluma – João Miyao venceu Pablo Mantovani por 6 a 4 nos pontos
Peso-pena – Gianni Grippo venceu Shane Hill-Taylor por 4 a 1 nas vantagens
Peso-leve – JT Torres e Michael Lieira Jr. fecharam para a Atos
Peso-médio – Gabriel Arges venceu Marcos Tinoco por 1 a 0 nas vantagens
Peso-meio-pesado – Lucas Hulk e Gustavo Braguinha fecharam para a Atos
Peso-pesado – Leandro Lo venceu Tanner Rice por 2 a 0 nos pontos
Peso-super-pesado – Keenan Cornelius venceu Mahamed Aly por 1 a 0 nas vantagens
Peso-pesadíssimo – João Gabriel Rocha finalizou Ricardo Evangelista no armlock
Absoluto – Leandro Lo venceu Gutemberg Pereira por 2 a 0 nos pontos

> Feminino

Peso-pluma – Gezary Matuda venceu Talita Alencar na decisão dos árbitros
Peso-pena – Karen Antunes venceu Jaqueline Moraes por 4 a 0 nos pontos
Peso-leve – Bia Mesquita finalizou Jena Bishop no estrangulamento
Peso-médio – Angelica Galvão e Luiza Monteiro fecharam para a Atos
Peso-meio-pesado – Nathiely Jesus venceu Carina Santi por 8 a 6 nos pontos
Peso-pesado – Maria Malyjasiak venceu Yacingta Nguyen-Huu por 2 a 0 nos pontos
Peso-super-pesado – Cláudia do Val finalizou Hillary Vanornum na omoplata
Absoluto – Luiza Monteiro e Bia Basílio fecharam para a Atos

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade