Lutador de origem árabe do UFC apoia Palestina contra Israel, e Strickland ataca: ‘Cale a boca’

Como é uma empresa global, o UFC tem lutadores de origem árabe, como também atletas que saíram em defesa da comunidade israelita

Lutador de origem árabe do UFC apoia Palestina contra Israel, e Strickland ataca: ‘Cale a boca’

Strickland se mostrou a favor de Israel no conflito que voltou à tona (Foto: UFC)

No último fim de semana, uma escalada de guerra entre o grupo extremista Hamas e Israel virou manchete em todo o mundo. Como é uma empresa global, o UFC tem lutadores de origem árabe, que defendem o estado da Palestina, como também atletas que saíram em defesa da comunidade israelita.

Nascido em Chicago (EUA), Belal Muhammad é de origem palestina. Através de seu perfil na plataforma “X”, o antigo Twitter, o meio-médio do UFC postou: “Orem pela Palestina”.

A publicação de Belal irritou Sean Strickland, atual campeão dos médios dos Ultimate. O lutador, que conquistou o cinturão no último mês ao derrotar Israel Adesanya, esbravejou ao compartilhar a publicação do companheiro de trabalho.

“Isso é o que você chamaria de resposta covarde. Em vez de se posicionar contra o terrorismo e defender uma resolução pacífica, você diz essa merda estúpida… Ignorando o que acabou de acontecer. Belal, você nasceu na América (Estados Unidos), você mora na América, cale a boca”, escreveu o campeão do UFC.

O conflito no Oriente Médio entre Palestina e Israel é antigo. Desde o último sábado (7), onde o grupo extremista Hamas iniciou os ataques a partir da Faixa de Gaza. Com as resposta do exército israelense, quase 2 mil mortos já foram registrados de ambos os lados.

belal 1

Belal nasceu nos Estados Unidos, mas compete sob a bandeira da Palestina (Foto reprodução Instagram)

Para mais notícias sobre o UFC, clique aqui