Lutador do Bellator, russo afirma que tentou ser infectado pelo coronavírus: ‘Fui atrás de quem parecia estar doente’

Publicidade

O mundo vive uma crise sanitária sem precedentes com a paralisação de diversos setores da economia e da sociedade. Grande parcela da população está em isolamento social e buscando formas de não se contaminar com o novo coronavírus (Covid-19). No entanto, o lutador de MMA Sergei Kharitonov pensa diferente.

O peso-pesado russo de 39 anos, que pertence ao plantel do Bellator, deu uma entrevista curiosa ao site RT Sport. Ele disse que, de forma intencional, tentou contrair Covid-19 nas ruas de Moscou, para “sentir” o vírus.

“Eu estava em Moscou, e comecei a procurar pessoas que pareciam estar doentes. Admito que fui atrás de quem estava tossindo para ser infectado, saber como era, que tipo de vírus é esse. Infelizmente, ou felizmente, não me infectei. Parece que meu sistema imunológico funciona. Hoje, quando alguém tosse perto de mim, eu não tenho medo”, relatou o lutador, que tem mais de 40 lutas como profissional.

A Rússia registra mais de 177 mil casos de Covid-19 e 1.625 mortes, segundo a universidade Johns Hopkins.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade