Lutador do UFC abre o coração e pede ‘desculpas’ a Charles do Bronx: ‘Disse que não era isso tudo’

Lutador do UFC abre o coração e pede ‘desculpas’ a Charles do Bronx: ‘Disse que não era isso tudo’

Atuação de Charles do Bronx no UFC 289, segue repercutindo no mundo do MMA (Foto: Reprodução)

Anthony Smith participou de um bate-papo com o ex-campeão peso-médio do Ultimate e, atualmente, comentarista Michael Bisping, onde comentou sobre a atuação magistral de Charles do Bronx no último fim de semana. O ex-campeão nocauteou Beneil Dariush no UFC 289, ainda no primeiro round. O americano fez questão de se “desculpar” por menosprezar o brasileiro e afirmou que nunca mais apostará contra o faixa-preta de Jiu-Jitsu.

“Eu tenho que pedir desculpas a Charles do Bronx, ele tem sido um absoluto espinho na minha vida quando se trata de análises (antes das lutas). Anteriormente, eu disse que ele não era isso tudo e ele simplesmente vai lá e faz essas proezas. Esse estilo agressivo, Jiu-Jitsu insano, embora dê para ver alguns buracos em seu Wresteling, mas hoje me encontro dizendo que ele é um dos meu lutadores favoritos. Eu apostei contra ele nas lutas contra Dustin Poirier, Justin Gaehtje e Michael Chandler e ele me quebrou todas as vezes. Não importa o que aconteça, eu vou escolher Charles do Bronx a partir de agora”, declarou o meio-pesado do UFC.

smith2

Anthony Smith afirmou que não voltará a apostar contra Charles do Bronx (Foto: Reprodução UFC)

Anthony Smith tem 34 anos e contabiliza um extenso cartel no MMA com 54 lutas, onde acumulou 36 vitórias e 18 resultados negativos. O americano vinha de três resultados positivos em sequência, mas foi superado em suas duas últimas lutas. Em julho do ano passado, foi nocauteado por Magomed Ankalaev e a mais recente delas contra o brasileiro Johnny Walker, em maio, quando perdeu por decisão unânime.

Saiba mais sobre Charles do Bronx e o UFC, aqui