McGregor indica que próxima luta acontecerá nos 77kg e revela o lutador ‘mais duro’ que já enfrentou

Sem lutar há mais de um ano, Conor McGregor diz que luta que vai marcar seu retorno ao UFC acontecerá na divisão dos meio-médios; veja

McGregor indica que próxima luta acontecerá nos 77kg e revela o lutador ‘mais duro’ que já enfrentou

Conor McGregor deve fazer seu retorno ao UFC em 2023 (Foto: Reprodução/Instagram)

Sem lutar desde julho do ano passado, Conor McGregor vem se recuperando de uma grave fratura sofrida em sua perna esquerda, durante a luta contra Dustin Poirier no UFC 264. Ainda sem uma previsão exata de quando vai retornar ao octógono, o ex-campeão peso-pena e peso-leve do Ultimate participou, na última terça-feira (4), de uma sessão de perguntas e respostas com seus fãs em sua conta oficial no Twitter.

Em meio a alguns questionamentos, vieram algumas respostas interessantes. Além de ter afirmado que Charles do Bronx vai vencer “facilmente” o russo Islam Makhachev em disputa de cinturão que vai acontecer no próximo dia 22 de outubro, na luta principal do UFC 280, Conor também revelou que, definitivamente, sua próxima luta no Ultimate vai acontecer como meio-médio (até 77kg).

Vale ressaltar que, ao longo dos últimos meses, através de publicações em suas redes sociais, “The Notorious” vem impressionando pela sua forma física e músculos, o que em tese, tornaria inviável um duelo no peso-leve e mais ainda no peso-pena, duas divisões onde o lutador já reinou dentro do UFC.

Além disso, McGregor foi além, e ao ser questionado sobre o atleta mais duro que já enfrentou ao longo da sua carreira no MMA, citou o nome do rival Nate Diaz, a quem já enfrentou duas vezes, com uma derrota e uma vitória para cada lado. Vale ressaltar que uma trilogia entre os atletas já foi discutida, porém, não há indícios de que vá acontecer em algum momento.

Atualmente com 33 anos, Conor McGregor é um dos grandes nomes da história do MMA e, no UFC, conquistou os cinturões peso-pena e peso-leve da organização. Com um cartel de 22 vitórias e seis derrotas, o irlandês, no entanto, vem atravessando uma fase delicada em sua carreira e perdeu três das suas últimas quatro lutas, sendo duas delas para Dustin Poirier.

Para conferir mais notícias sobre Conor McGregor, clique aqui