Patrício Pitbull vaga título dos leves, e Patricky irá disputar cinturão contra Peter Queally no Bellator 270; entenda

Publicidade

Depois de perder o cinturão peso-pena em julho, ao ser derrotado por AJ McKee, Patrício Pitbull também não ostenta mais o título da divisão dos leves do Bellator. Scott Coker, presidente da organização, revelou na última quarta-feira (6) ao programa “MMA Hour” que o brasileiro deixou vago a cinta da divisão até 70kg e, dessa forma, o combate entre Patricky Pitbull – irmão mais velho de Patrício – e Peter Queally, marcado para acontecer no dia 5 de novembro, na luta principal do Bellator 270, na Irlanda, vai definir o próximo campeão da categoria.

Vale ressaltar que Patrício Pitbull era o campeão peso-leve do Bellator desde maio de 2019, quando derrotou Michael Chandler por nocaute no primeiro round. Todavia, o potiguar nunca chegou a defender a cinta dos 70kg e chegou a realizar quatro combates depois disso, todos no peso-pena. Vale ressaltar também que Patrício sempre deixou em aberto a possibilidade de abrir mão do título dos leves, desde que houvesse a garantia que seu irmão lutaria pelo cinturão em seguida.

Além do anúncio feito por Scott Coker, o próprio Patrício utilizou as suas redes sociais na última quarta-feira para confirmar que não era mais o campeão peso-leve do Bellator, abrindo caminho para que Patricky Pitbull possa disputar o cinturão. O lutador esclareceu ainda que seu foco está em fazer a revanche contra AJ Mckee, com o objetivo de recuperar o cinturão da divisão dos penas.

“Honra e família vem primeiro. Quando venci o cinturão dos leves (em luta contra Michael Chandler), foi por vingança. Ainda assim, foi uma honra. Mas com a derrota nos penas, eu resolvi recomeçar. É hora da divisão dos leves seguir em frente e de Patricky ter sua chance. Meu foco é em AJ (McKee) e apenas nele”, destacou o brasileiro.

Patricky Pitbull vinha de cinco vitórias consecutivas no Bellator, mas em sua última luta, em maio, acabou sendo derrotado por justamente por Peter Queally, por nocaute técnico (interrupção médica) no segundo round. Já o irlandês, além da vitória sobre Patricky, já havia superado Ryan Scope em seu combate anterior, por nocaute técnico no segundo assalto.

Publicidade

Notícias relacionadas

DEIXAR UMA RESPOSTA

Por favor, poste seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui

Publicidade